Total de visualizações de página

Só Jesus Cristo salva!

sábado, 31 de janeiro de 2015

Deus tem prazer em ver o seu povo feliz.

          Hadley Page, pioneiro da aviação, certa vez pousou numa área deserta e sem que percebesse, um rato entrou no avião, durante a viagem ele se desconfortou com o barulho do rato roendo peças do avião; então ele pensou nos danos que aquele rato poderia fazer no mecanismo do avião e uma vez danificado, como ele iria concerta ló longe de casa? Daí lembrou que rato não sobrevive a certas altitudes, então subiu o avião até ficar quase sem respirar e quando desceu encontrou o rato morto. (www.hermeneutica.com.br).
O pecado é assim, chega como quem não quer nada e começa a roer até fazer morada; devemos subir nas alturas espirituais, pois só assim o pecado que tanto nos rodeia, não roerá nossas almas.
        Deus não tem prazer em nos ver fracassados; ele quer nos fazer felizes, cheios de sucesso!

“Certamente que a bondade e a misericórdia me seguirão todos os dias da minha vida; e habitarei na casa do SENHOR por longos dias”. Salmos 23:6.
           Abraão com cem anos de idade, olhando para a face de uma criança que acabara de nascer! Abraão agora está de posse da promessa, e Sara? Donde se viu uma mulher de aproximadamente noventa anos, dar a luz? Imagino como ficou o coração desta mulher! Deus queria velos felizes.
 E o SENHOR visitou a Sara, como tinha dito; e fez o Senhor a Sara como tinha prometido. Concebeu Sara, e deu a Abraão um filho na sua velhice, ao tempo determinado, que Deus lhe tinha falado. E Abraão pôs no filho que lhe nascerá, que Sara lhe dera, o nome de Isaque. E Abraão circuncidou o seu filho Isaque, quando era da idade de oito dias, como Deus lhe tinha ordenado. E era Abraão da idade de cem anos, quando lhe nasceu Isaque seu filho. E disse Sara: Deus me tem feito riso; todo aquele que o ouvir se rirá comigo. Disse mais: Quem diria a Abraão que Sara daria de mamar a filhos? Pois lhe dei um filho na sua velhice. Gênesis 21:1-7
Carrego uma vaga lembrança de um livro que li tempos atrás “Sequestro em Angola”, relata a história de duas irmãs brasileiras; missionárias “Mirian e Margarida” que muitos dias sofreram, com suas pernas queimadas pela explosão de uma bomba no automóvel que trafegavam, foram dias e dias sendo carregadas em uma maca improvisada, pelo meio da mata, moscas assentavam em suas feridas, febres, dores e tantas outras enfermidades lhes sobrevieram por muitos dias, fato acontecido da década de 80, como elas padeceram, parecia não haver mais esperança alguma para elas, até que o impossível aconteceu, Deus agiu e elas retornaram ao Brasil, sãs e salvas.

Aquilo que aos olhos humanos parece ter acabado, é aí que Deus entra com sua forte mão, Ele age no momento certo e na hora certa, nós é que na verdade, muitas das vezes somos precipitados demais e nem sempre sabemos esperar a hora de Deus. Isto nos leva a crer verdadeiramente no nosso Deus Criador. Ele é o Deus do impossível, Ele traz a existência o que diante dos olhos humanos seria impossível existir, somente Ele pra nos dar um raiar tão feliz de um novo dia.

“Porque para Deus nada é impossível.”  Lucas 1:37

Com Isaque não foi diferente, ele era muito apegado a Sara sua mãe, quando Sara morreu, ele ficou desconsolado, a alegria dele tinha ido embora, talvez chorando pelos campos, inconsolável, o dia especial lhe foi proporcionado por Deus.
E Rebeca se levantou com as suas moças, e subiram sobre os camelos, e seguiram o homem; e tomou aquele servo a Rebeca, e partiu. Ora, Isaque vinha de onde se vem do poço de Beer-Laai-Rói; porque habitava na terra do sul. E Isaque saíra a orar no campo, à tarde; e levantou os seus olhos, e olhou, e eis que os camelos vinham. Rebeca também levantou seus olhos, e viu a Isaque, e desceu do camelo. E disse ao servo: Quem é aquele homem que vem pelo campo ao nosso encontro? E o servo disse: Este é meu senhor. Então tomou ela o véu e cobriu-se. E o servo contou a Isaque todas as coisas que fizera. E Isaque trouxe-a para a tenda de sua mãe Sara, e tomou a Rebeca, e foi-lhe por mulher, e amou-a. Assim Isaque foi consolado depois da morte de sua mãe. Gen.24.61-67
Aprendemos com essa história, que ainda que andemos pelo deserto, devemos levantar a voz ao Senhor e orar, mesmo em meio a tristeza ou a qualquer dificuldade, seja ela angustia, perda ou decepções; enquanto Isaque orava, a benção se aproximava, sem ele saber Rebeca vinha ao seu encontro, ao levantar os olhos avistou que os camelos vinham, na mesma ocasião, Rebeca também levantou os olhos e avistou Isaque e assim ambos tomaram posse da vitória em suas vidas. Levantemos os nossos olhos para o alto e falemos com Deus, ele nos trará grandes surpresas, bênçãos não são somente as listadas por nós, Deus também tem o prazer de nos entregar coisas não desejadas por nós, a qual nos fará muito mais felizes.
“A bênção do Senhor é que enriquece; e não traz consigo dores”. Provérbios 10:22

O pecado é a causa do fracasso!
Quer ter sucesso? Ande em fidelidade com Deus! 

Aconselhamento cristão por Rosa Dias

Nenhum comentário:

Postar um comentário