Total de visualizações de página

Eventos Evangélicos

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Os Recabitas-Jr 35



A palavra que do SENHOR veio a Jeremias, nos dias de Jeoiaquim, filho de Josias, rei de Judá, dizendo:
Vai à casa dos recabitas, e fala com eles, e leva-os à casa do Senhor, a uma das câmaras e dá-lhes vinho a beber. Então tomei a Jazanias, filho de Jeremias, filho de Habazinias, e a seus irmãos, e a todos os seus filhos, e a toda a casa dos recabitas; E os levei à casa do Senhor, à câmara dos filhos de Hanã, filho de Jigdalias, homem de Deus, que estava junto à câmara dos príncipes, que ficava sobre a câmara de Maaséias, filho de Salum, guarda do vestíbulo; E pus diante dos filhos da casa dos recabitas taças cheias de vinho, e copos, e disse-lhes: Bebei vinho. Porém eles disseram: Não beberemos vinho, porque Jonadabe, filho de Recabe, nosso pai, nos ordenou, dizendo: Nunca jamais bebereis vinho, nem vós nem vossos filhos; Não edificareis casa, nem semeareis semente, nem plantareis vinha, nem a possuireis; mas habitareis em tendas todos os vossos dias, para que vivais muitos dias sobre a face da terra, em que vós andais peregrinando. Obedecemos, pois, à voz de Jonadabe, filho de Recabe, nosso pai, em tudo quanto nos ordenou; de maneira que não bebemos vinho em todos os nossos dias, nem nós, nem nossas mulheres, nem nossos filhos, nem nossas filhas; Nem edificamos casas para nossa habitação; nem temos vinha, nem campo, nem semente. Mas habitamos em tendas, e assim obedecemos e fazemos conforme tudo quanto nos ordenou Jonadabe, nosso pai. Sucedeu, porém, que, subindo Nabucodonosor, rei de babilônia, a esta terra, dissemos: Vinde, e vamo-nos a Jerusalém, por causa do exército dos caldeus, e por causa do exército dos sírios; e assim ficamos em Jerusalém. Então veio a palavra do Senhor a Jeremias, dizendo: Assim diz o Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel: Vai, e dize aos homens de Judá e aos moradores de Jerusalém: Porventura nunca aceitareis instrução, para ouvirdes as minhas palavras? diz o Senhor. As palavras de Jonadabe, filho de Recabe, que ordenou a seus filhos que não bebessem vinho, foram guardadas; pois não beberam até este dia, antes obedeceram o mandamento de seu pai; a mim, porém, que vos tenho falado, madrugando e falando, não me ouvistes. E vos tenho enviado todos os meus servos, os profetas, madrugando, e insistindo, e dizendo: Convertei-vos, agora, cada um do seu mau caminho, e fazei boas as vossas ações, e não sigais a outros deuses para servi-los; e assim ficareis na terra que vos dei a vós e a vossos pais; porém não inclinastes o vosso ouvido, nem me obedecestes a mim. Visto que os filhos de Jonadabe, filho de Recabe, guardaram o mandamento de seu pai que ele lhes ordenou, mas este povo não me obedeceu, Por isso assim diz o Senhor Deus dos Exércitos, o Deus de Israel: Eis que trarei sobre Judá, e sobre todos os moradores de Jerusalém, todo o mal que falei contra eles; pois lhes tenho falado, e não ouviram; e clamei a eles, e não responderam. E à casa dos recabitas disse Jeremias: Assim diz o Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel: Pois que obedecestes ao mandamento de Jonadabe, vosso pai, e guardastes todos os seus mandamentos, e fizestes conforme tudo quanto vos ordenou, Portanto assim diz o Senhor dos Exércitos, Deus de Israel: Nunca faltará homem a Jonadabe, filho de Recabe, que esteja na minha presença todos os dias. Jeremias 35:1-19

O acontecido aqui ocorreu durante o reinado de Jeoaquim e envolve um povo nômade conhecido como ‘recabitas’ (II Rs 10:15-23 e I Cr 2:55), eles se refugiaram em Jerusalém quando a terra foi invadida pelos babilônios. Os recabitas eram povos nômades, descendentes de Recabe, descendentes de Jetro, sogro de Moisés, esse povo se uniu aos Israelitas em rumo à terra prometida, foram testemunhas de coisas grandes e maravilhosas que Deus fez; aprenderam a amar a Deus e a não se misturar com os ímpios, vendo eles que os israelitas se afastavam dos preceitos do Senhor, decidiram escolher o caminho da obediência, seguindo as ordens de seu pai Jonadabe.

O Senhor ordenou ao profeta Jeremias que se reunisse com eles numa das recamaras do templo e lhes oferecesse vinho.

 O profeta seguiu a ordem do Senhor e fez um convite a Jazanias filho de Jeremias (esse Jeremias não se trata do profeta). Na hora exata os recabitas compareceram no lugar marcado pelo profeta Jeremias; diante deles estava exposto vinhos para que bebessem, Jeremias insistiu com eles que bebessem conforme o Senhor lhe ordenou que fizesse, o profeta ate os serviu insistentemente... E pus diante dos filhos da casa dos recabitas taças cheias de vinho, e copos, e disse-lhes: Bebei vinho. 

Porém os recabitas recusaram beber o vinho porque seu ancestral Jonadabe lhes havia ordenado que não bebessem vinho, também estabeleceu outras regras... Não beberemos vinho, porque Jonadabe, filho de Recabe, nosso pai, nos ordenou, dizendo: Nunca jamais bebereis vinho, nem vós nem vossos filhos; Não edificareis casa, nem semeareis semente, nem plantareis vinha, nem a possuireis; mas habitareis em tendas todos os vossos dias, para que vivais muitos dias sobre a face da terra, em que vós andais peregrinando. Obedecemos, pois, à voz de Jonadabe, filho de Recabe, nosso pai, em tudo quanto nos ordenou; de maneira que não bebemos vinho em todos os nossos dias, nem nós, nem nossas mulheres, nem nossos filhos, nem nossas filhas; Nem edificamos casas para nossa habitação; nem temos vinha, nem campo, nem semente. Mas habitamos em tendas, e assim obedecemos e fazemos conforme tudo quanto nos ordenou Jonadabe.

Os recabitas renunciaram a vida sedentária para viverem as ordens de Jonadade e viverem como nômades. Eles mesmo vivendo como nômades faziam amigos por onde passavam, a obediência deles à jonadade definiu sua identidade própria, o profeta tirou valiosa lição desse povo e pode com segurança transmiti-la ao povo judeu. O povo judeu estava desobedientes ao Senhor e receberam o recado d’Ele através do exemplo dos recabitas e pela boca de Jeremias.

Por mais de duzentos anos os Recabitas permaneceram fiéis a Jonadabe e  Deus  agradou se dessa atitude. A grande lição dos recabitas foi tamanha para o povo de Judá e é também para nós, lição tal que nos faz ver e entender que as bênçãos divinas caem sob os filhos obedientes a Deus. Será que se eu fizer a campanha vou ter sucesso em tudo o que eu pedir? Essa pergunta sempre surge. Se assim fosse, seria bom demais, mais não é bem por aí; escrever em um papel, e esperar pela benção durante o ano inteiro, me parece fácil demais, infelizmente tenho que lhes dizer uma coisa, é que seu projeto talvez será em vão; a benção divina só virá, por meio da obediência a Deus, sem obediência, nada feito.

Que coisa linda, a obediência nos traz benção, enquanto Judá não aceitava os conselhos de Deus, e andava cada vez mais erroneamente, Deus mostra a todos, a obediência desse povo simples. O Senhor castigou seu povo rebelde entregando os aos babilônios... : Eis que trarei sobre Judá, e sobre todos os moradores de Jerusalém, todo o mal que falei contra eles; pois lhes tenho falado, e não ouviram; e clamei a eles, e não responderam. 

Porém aos recabitas, deu lhes a benção divina... E à casa dos recabitas disse Jeremias: Assim diz o Senhor dos Exércitos, o Deus de Israel: Pois que obedecestes ao mandamento de Jonadabe, vosso pai, e guardastes todos os seus mandamentos, e fizestes conforme tudo quanto vos ordenou, Portanto assim diz o Senhor dos Exércitos, Deus de Israel: Nunca faltará homem a Jonadabe, filho de Recabe, que esteja na minha presença todos os dias.

 E aí? Obedecer ou desobedecer a Deus? Qual é a sua escolha? Medite!!!

       Por vossa  irmã em Cristo  Rosa Dias   


   


  

Nenhum comentário:

Postar um comentário