Total de visualizações de página

Eventos Evangélicos

sábado, 7 de outubro de 2017

100 Hinos Raízes Pentecostal
















































































 
O Jardineiro Que Chora/Joel e Jonas

Existe só um Jardineiro que chora
Ao ver cair do seu jardim uma flor
Aquela que tanto zelou com carinho
Agora lhe causa as lágrimas de dor
Durante tanto tempo fostes tão bela
Possuía o perfume do mais puro amor
Porque deixastes que o vento do mundo
Tiraste você do jardim do Senhor
Coro
Aquele que foi teu fiel jardineiro
Seus olhos parece que os vejo chorar
Ao ver sua flor caída e morta
Na lama sem forças pra se levantar
II
O bom jardineiro cultivou a terra
Plantou com amor e o jardim e o floriu
Os crentes são as plantações do Senhor
Por Cristo na cruz do calvário surgiu
O bom jardineiro é o Senhor Jesus
O crente desviado é a flor que caiu
O vento do mundo é o que não presta
Soprou na flor até que a destruiu
III
Amado irmão que me ouve agora
Ainda há tempo pra você voltar
Porque o Profeta Isaías falou
Buscai ao Senhor quando se pode achar.
A tua cadeira ainda lhe espera
Retorne para ocupar teu lugar
Você é a flor que até hoje causou.
Tristezas em Cristo fazendo chorar.
Coro final
O bom jardineiro espera ainda
A flor que caiu novamente brotar
Porque ele mesmo falou que um dia  
Pra o céu o querido jardim vai Levar.        

Caminho de Emaús/Joel e Jonas

Os dois discípulos no caminho de Emaús
Iam falando a respeito de Jesus
Um viajante deles se aproximou
Não perceberam que era o meigo Salvador
I
Fica conosco, nosso amado e bom Jesus
Fica conosco pelo Seu imenso amor
Como os discípulos Te pediram
No caminho de Emaús
Fica conosco, nosso amado e bom Jesus
II
Eles falavam a respeito de Jesus
Varão profeta que foi poderoso em obras
Diante de Deus e todo povo. Aleluia!
Este Jesus ainda hoje me conduz
III
Estando à mesa, tomando o pão abençoou
Partiu e deu, eles então O reconheceram
Cheios de gozo em ver o Filho de Deus
No mesmo instante, Ele desapareceu.

Folha Seca/Jair Pires

Eu comparo a vida do homem sem Deus,
Como uma folha seca caída no chão.
Que vai para onde o vento levar,
Tudo é tristeza, tudo é solidão
Seu viver é triste, tão cheio de dor,
Seus dias turbados, sem consolação
Assim é a vida do homem sem Deus,
uma folha seca caída no chão.                                                                            
Coro
É uma folha seca caída no chão,
Que vai para onde o vento levar
Assim é a vida do homem sem Deus
Pobre miserável só pensa em pecar
Assim é a vida do homem sem Deus,
Pobre miserável só pensa em pecar.
II
Já fui um perdido pelo mundo a fora,
Eu não tinha paz, nem consolação
Cheio de problemas, tão desanimado
Meu viver tristonho, triste solidão
Hoje sou um crente, já não vivo ao léu.
Tenho o meu caminho que vai pra Sião
Assim vou cantando, almejando ao céu,
Já não sou a folha caída no chão.

Alma  cansada/Jair Pires

Alma cansada não desespere
Espera em Deus
Que Ele vem,  que Ele vem
Te socorrer
Alma cansada não desespere
Espere em Deus
Espere em Deus, espera em Deus
E no seu poder
Coro
Oh, alma cansada, espera em Deus
E no seu Amor
Vem, alma cansada, espera em Deus
Confia somente no seu amor
II
Alma cansada, o teu lamento
Não resolverá
A hora é triste, com fé insiste
Deus te ouvirá
Se teus momentos,  trazem tormentos
Que fazem chorar
Deus te chama agora
Oh, vem sem demora
Em paz descansar.

Igreja velha/Jair Pires

Igreja velha que saudade imensa
Aquele tempo que bem longe vai
Quando você existia aqui
Recordações hoje traz pra mim.
Igreja velha que saudade imensa
Daqueles dias que você deixou
[Igreja velha não existe mais
Amar a Deus você me ensinou.] 2x
II
Igreja velha quando eu me lembro
Do grande amor que você me deu
Passar os anos eu não me esqueci
Recordações hoje trás pra mim.
Igreja velha não vou esquecer
Que foi você quem me ensinou a amar
Igreja velha você não morreu
Dentro de mim, você viva está. 2 x
Declamação
Mas que saudade! mas que saudade imensa!
É isto mesmo minha velha igreja
É a saudade que está de dentro de mim
Quando me lembro daqueles dias maravilhosos
Você me amava, como também me ensinou a amar
Olha, as coisas por aqui hoje estão muito diferentes
E com grandes saudades, também lembro de você
Obrigado minha igreja, por tudo o que você fez por mim,                                                 você continua aqui dentro de mim, muito obrigado!
III
Igreja velha quando eu me lembro
Do grande amor que você me deu
Passar os anos eu não me esqueci
Recordações hoje trás pra mim
Igreja velha não vou esquecer
Que foi você quem me ensinou a amar
Igreja velha você não morreu;
Dentro de mim, você viva está.

Canta Meu Povo/Jair Pires

Jesus ia Caminhando descendo pra Jerusalém
Com ele iam os seus discípulos e os fariseus também.
Os discípulos se alegravam, cantavam e davam louvores,
Dizendo bendito é o Rei que veio em nome do Senhor.
Coro: (No final repete-se 3 vezes)
Canta meu povo, alegra meu povo
que a festa não vai acabar,
Quando findar na terra no céu vai continuar.
II
Os fariseus murmuravam falavam com ansiedade,
Mande que este povo calem e não perturbem a cidade.
Jesus olhando pra eles falava com satisfação,
Se estes se calarem logo as pedras clamarão.
III
Nós que sabemos disso, foi Jesus quem falou,
Antes que as pedras clamem, nós clamamos ao Senhor.
Jesus veio da sua glória pra nos trazer salvação,
Não há ninguém que tire o gozo do meu coração.
Bate Coração/Jair Pires
Bate, bate , bate coração , bate e não cessa de bater
Bate, bate , bate coração , porque eu preciso tanto de você.
Bate coração companheiro , ainda não é hora de parar
Veja que a estrada é muito longa,
Juntos temos muitas almas pra ganhar .
Co r o
Coração amigo , você precisa se reanimar
Se não chegou a hora de parar,
desperta que Deus quer falar contigo
Coração amigo , milhões estão orando por você
Desperta, você não pode morrer,
sozinho nada faço sem você .
II
Escute coração companheiro,
o meu cristo veio visitar você
Abre bem a porta nessa hora,
e deixa o Senhor te socorrer
A presença deste mal pra ele é nada,
deixa a morte de te mesmo repreender
A vitória vem da nossa obediência.
faça de tudo que ele te mandar fazer.

O Pecado Não Dói/Jair Pires

Coro
O pecado não dói, não dói
O pecado não dói,não dói
É preciso ter cuidado
com este tal de pecado
O pecado não dói.
I
Se o pecado doesse muitos não pecariam
Temeriam a DEUS,assim seria melhor
Mas ele vem de mansinho
sempre dando um jeitinho
Deixa a gente no pó.
II
O pecado é uma lepra que o mundo contamina
Todo cuidado é pouco, não seja um imitador
Mas ele vem de mansinho
sempre dando um jeitinho,
deixa a gente no pó.

Quem são aqueles?/Jair Pires

Senhor, quem são aqueles
Que vêm sorrindo pelo caminho?
Cantando alegremente, como as aves
Que vão para o ninho.
Coro
Senhor, quem são aqueles
Que em vestes brancas, vão prosseguindo?
Senhor, eu quero segui-los
Tu não me deixes ficar sozinho!
II
O mundo já não me serve
A minha alma está soluçando
Senhor tu não me deixes,
Ficar no mundo sempre sofrendo.
III
Eu quero também ser um deles
Ter felicidade no coração
Seguir aquele caminho
Sem sofrimento e de salvação.

Eu Prefiro Ficar Com Jesus/Jair Pires

No mundo tudo passa, tudo é mesmo ilusão
Não pode achar no homem, segurança e salvação
Mais acima da vaidade, vejo Deus que me conduz
Eu prefiro ficar com Jesus!.
Coro
Eu prefiro ficar com Jesus!. ,                                                                                              Se preferes o mundo, eu não sei.
Eu prefiro ficar com Jesus!.                                                                                          Pois a paz, em Jesus encontrei.
II
Amigo me convida para igreja eu deixar
Mas eu digo,eu não quero meu Jesus abandonar
Pois cego eu andava mas agora tenho luz
Eu prefiro,ficar com Jesus!.
III
Eu vejo muita gente, caminhar sem direção
Olhando para baixo, penetrando na escuridão
Mas eu olho para o alto,vejo Deus que me conduz;
eu prefiro ficar com Jesus!.

Estrada de espinhos/Jair Pires

Jesus me segura, na minha jornada
não me deixe cair!
A luta é pesada, já estou na estrada
confio em ti!
Eu não tenho medo, em tudo percebo
que estás sobre mim!
Coro
Eu vejo na estrada espinhos,                                                                                         não estou sozinho confio em ti! 2x                                          
II                                                                                                                                         Jesus que me ama, tirou-me da lama                                                                              fez tudo por mim!                                                                                                          Me deu vida eterna,                                                                                                        Jesus me governa Eu creio assim!
O crente não cansa, tem esta esperança
e vive assim!
III
Jesus que me ama, tirou-me da lama
fez tudo por mim!
Me deu vida eterna, Jesus me governa
Eu creio assim!
O crente não cansa, tem esta esperança
e vive assim!

Eu Tenho Um Amigo/Jair Pires

Eu tenho um amigo que me ama
Me ama, me ama
Eu tenho um amigo que me ama
Seu nome é Jesus
Coro
Jesus! Jesus, Seu nome é Jesus
Jesus! Jesus, Seu nome é Jesus
II
Eu tenho um amigo que guia
Me guia, me guia
Eu tenho um amigo que me guia
Seu nome é Jesus
III
Eu tenho um amigo que guarda
Me guarda, me guarda
Eu tenho um amigo que me guarda
Seu nome é Jesus

Ai Daqueles Que Se Desviou/Jair Pires

Conforme nos diz
O livro sagrado
Quem crer em Jesus,
É bem aventurado
Mas rejeitar sofrerá grande dor...
Irmão ai daqueles que se desviou.
Coro:
Irmão ai daqueles que se desviou
Irmão ai daqueles que se desviou
Pegou a palavra de Deus e pisou...
Irmão ai daqueles que se desviou.
II
Melhor se não soubesse o caminho
Do que desviado nas trevas sozinho
Ouviu a palavra mas não se importou
Irmão ai daqueles que se desviou.
III
Se algum desviado chegar a morrer
Levou sua culpa e vai perecer
Pegou a palavra de cristo e pisou,
Irmão ai daqueles que se desviou.

Jesus Nazareno/Jair Pires

Jesus Nazareno, pregado na cruz,
Coberto de sangue seu rosto ficou
Seu rosto centrino, qual anjo divino
Coroa de espinho, o povo lhe deu
Coro
Eloi, Eloi;  Lama Sabactani
Clamava ao pai,  o divino Jesus
O bom redentor,  de novo clamou
Sem forças porém, o mestre expirou
II
Não se maldizia, a ingratidão
Que o povo fizera
Sem ter compaixão
Lhe deram vinagre,  Jesus recusou
Sentindo agonia
Da morte e da dor
III
A luz se fez trevas,  a terra tremeu
Morrendo na cruz
O filho de Deus
Rasgou-se o véu, da separação
Nos dando a graça, a paz e o perdão.

Cem Ovelhas/Ozéias de Paula

Eram cem ovelhas, juntas no aprisco
Eram cem ovelhas, que amante cuidou
Porém uma tarde, ao contá-las todas
Lhe faltava uma, lhe faltava uma e triste chorou
Coro
As noventa e nove,  deixou no aprisco
E pelas montanhas,  a buscá-la foi
A encontrou gemendo,  tremendo de frio
Curou suas feridas,  colocou em seus ombros
e ao redil voltou.
II
Essa mesma história, volta a repetir-se
Pois muitas ovelhas, perdidas estão
Mas ainda hoje, o pastor amado
Chora suas feridas, chora suas feridas
E quer te salvar

A Melhor Coisa/Ozéias de Paula

De tantas coisas
Que andei fazendo
De quase todas me arrependi.
Mas houve uma, especial
Foi a mais certa que escolhi.
Coro
A melhor coisa
Que eu já fiz
Em toda minha vida
Salvou-me por um triz
Em aceitar Jesus
Sinceramente foi
A Melhor coisa que eu já fiz.
II
Coisas erradas andei fazendo
Na condição de pecador
Mas quando achei-me,
desfalecendo
Tomei a decisão, que Me Salvou.


O Amor é Tudo/Ozéias de Paula

No princípio era o verbo, e o verbo era Deus
E a natureza já existia nos planos Seus
Desde a maior estrela a mais singela flor
Traçando leis tudo Ele fez por Seu amor
Coro
O amor é tudo, feliz é quem ama
Não há barreiras para conter suas chamas
O amor é bálsamo na triste lida
O amor é mais, o amor é paz, o amor é vida.
II
O amor supera o ódio, através do Seu poder
Tudo ele sofre, tudo suporta, tudo ele crê.
Amai-vos uns aos outros conforme Eu vos amei
Andai na luz, disse Jesus o Rei dos Reis!

O Rei Está Voltando/Ozéias de Paula

O mercado está deserto seu trabalho já parou
O martelo dos obreiros seu barulho já cessou
Os ceifeiros lá no campo terminaram o seu labor
Sai à última noticia é volta do senhor
Coro
O rei está voltando, o rei está voltando
A trombeta está soando o meu nome a chamar
Sim o rei está voltando o rei está voltando
Aleluia ele vem me buscar.
II
Os vagões de trens vazios passam ruas e quarteirões
Aviões sem seus pilotos, voam pra destruição
A cidade está deserta sua agitação parou
Surge a última noticia, Jesus cristo já voltou
III
Vejo a multidão subindo, ouço o coro celestial
Todo céu está se abrindo num bem vindo sem igual
Como o som de muitas harpas nos ouvimos entoar.
Aleluias ao cordeiro, nós chegamos para o lar

Canção do Nauta/Ozéias de Paula

Que ternura
São calma as ondas do mar
Meu barquinho, desliza sutil
Sobre o nome solar.
Coro
Tal qual aventureiro
Que vaga no mar aquém
O meu barquinho deslizando vai
Pois descanso e dulçor
Há no porto além.
II
Se algum dia
Feroz temporal açoitar
Prontamente eu sei que Jesus
Há de vir me amparar.
III
Entre as ondas
Levanto os meus olhos pra o céu
E suplico vem Cristo Jesus
Pilotar meu batel.

Um passo só/Ozéias de Paula

Um passo só tu precisas dar pra Cristo
Pra que ele possa tua vida transformar
Precisas crer que por ele és querido
E por amor a tua alma quer salvar
Um passo só
Coro
Um passo só mudará a tua vida
Um passo só, um passo só
Verás então que Jesus já te esperava
Que por ti inda chorava oferecendo perdão
II
Um passo só e verás que maravilha
É ter Jesus bem dentro do coração
Sua presença é que torna alma alegre
Basta um passo e terás a salvação
Um passo só
III
Um passo só, não precisas ter receio
Jesus agora mudará teu coração
Venha depressa pois tua alma está aflita
Dá só um passo e receberás perdão
Um passo só


Oh foi por mim/Oséias de Paula

Oh foi por mim Cristo meu Mestre
Que tu quiseste ao mundo descer
Oh! foi por mim Mestre querido
Que oprimido vieste sofrer.
II

Tão pobrezinho sentindo cansaço
Ó quanto almejo seguir os teus passos
III

Pra não perder a divina promessa
Ó dá-me mais pressa Senhor pra chegar.
IV

Oh foi por mim que tua vida
Imaculada vieste entregar
Oh foi por mim eu reconheço
por isso venho Senhor te louvar.

À Espera De Jesus/Ozéias de Paula

Assim como a noite espera pelo dia,
assim como a praia espera, pelo mar,
assim como as nuvens esperam pelo vento,
com mais ansiedade eu estou a te esperar,
te espero chorando, te espero,  Mestre querido
estou me curvando ante o peso da cruz,
me ajude a chegar ao meu lar prometido,
sem ti não consigo viver  meu Jesus.
II
Bem mais que as flores esperam pelo orvalho,
bem mais  que um perdido espera se encontrar,
bem mais que um filho espera a mãe querida,
com mais ansiedade eu estou a te esperar,
te espero chorando, te espero mestre querido,
estou me curvando ante o peso da cruz,
me ajude a chegar ao meu lar prometido,
sem ti não consigo viver meu Jesus, o meu Jesus.

O Semeador e o Ceifeiros/Ozéias de Paula

Semeei a semente, sim na primavera
Reguei-a com lagrimas, choro e dor
Mas outro talvez ceifará o meu trigo
Com gozo trazendo ao Senhor
Coro
Vez após vezes a minha alma sente
Angustia e choro do semeador
Mas o que semeia tanto como o que ceifa
Terão recompensas das mãos de Senhor
II
O ceifeiro recolhe com gozo os frutos
Nem sempre sabendo a dor que custou
Para quem trabalhou tanto com sol ou chuva
E com paciência a semente plantou.

É Assim Que Eu Te Amo/Ozéias de Paula

Eu te amo mais que a abelha ama a flor
eu te amo e como é forte o meu amor
eu te amo mais que tudo
mais que a vida que há em mim
eu te amo e nada vence
esse amor que não tem fim
eu te amo pois trocastes o meu fardo pela cruz
e é assim que eu te amo Jesus
II
Eu te amo mais que um preso anseia ter
toda luz da liberdade e assim viver
eu te amo mais que um nauta
ama a pátria que deixou
mais que um pobre exilado
ama o chão que o desprezou
eu te amo mais que um cego
possa desejar a luz
e é assim que eu te amo Jesus

Ninguém Se Importa/Ozéias de Paula

Neste mundo há milhões, cujas vidas nos grilhões
Vivem sempre em desespero e pavor
Dia e noite a chorar, para alguém lhes avisar
Nós ouvimos seu lamento ao redor
Coro
Ninguém se importa por minh'alma, o triste choro
Ninguém se importa por minh'alma, não ouves tu ?!
Hoje vai contar-lhes do amor de Cristo
Pra salvar-lhes deu sua vida sobre a cruz
II
Neste mundo há milhões, cuja as vidas em prisões
Vivem a oferecer um culto vão,
Sem saber que o salvador.
Deu sua vida em grande amor
Pra salvar-lhes o seu sangue derramou!
III
Tenho ouvido o clamor, dos perdidos em redor
Dou meu tudo a ti senhor pra os ganhar!
Seja longe ou perto a ir, pra morrer ou pra viver
Aos perdidos quero Cristo anunciar!
IV
Alguém se importa por tu'alma
Eis a mensagem!
Alguém se importa por tu'alma
Não ouves tu?!
Hoje vou contar-lhes do amor de Cristo
Pra salvar-lhes deu sua vida sobre a cruz!

Divino Companheiro/Luiz de Carvalho

Divino companheiro do caminho
tua presença sinto logo ao transitar
Pois tu dissipaste toda sombra
Já tenho luz a luz bendita do amor
Coro
Fica Senhor, já se faz tarde
Tens meu coração para pousar
Faz em mim morada permanente
Fica Senhor, fica Senhor, meu Salvador
II
A sombra da noite se aproxima,
E nela o tentador vai chegar
Não, não me deixes só no caminho,
Ajuda-me, ajuda-me, ate' chegar.

Rosa Vermelha/Luiz de Carvalho

Olhando este mundo Ele viu grande multidão
Andando sozinho sem nada na mão
Sua vida foi rosa vermelha cravada na cruz
Quem passou por Ele sentiu compaixão
Coro
A rosa murchando e sangrando, esvaindo-se em dor
Perdendo a cor, sem respiração
Mas o seu perfume se apega à mão que a esmagou
E quem a feriu conseguiu perdão
II
Agora seu sangue vertendo caindo no chão
Três dias morrendo, Ó, que solidão
No terceiro dia o mundo encheu-se de flores
E a rosa vermelha de novo brotou
III
Jesus é o lírio dos vales Rosa de Sarom
E até seus espinhos são marcas de amor
Agora Ele vive a plantar um grande jardins
Se você quiser serás uma flor. Uma flor

Madeiro Lavrado/Luiz de Carvalho

Cortaram madeiro, fizeram uma cruz para o meu Salvador
Madeiro lavrado, com pregos cravados, pesado ficou
Ele carregou a cruz, no caminho caiu
Mas Deus deu-lhe graça, morrendo na cruz
Por mim e por ti
Coro:
Foi feita assim, a cruz do Salvador
Madeiro lavrado, com pregos cravados
Pesada ficou
I
Perante Pilatos Jesus foi levado como um malfeitor
Chegando a ele, olhando ao Mestre, assim perguntou:
És o rei dos judeus? Disse Jesus: na verdade eu sou
O meu reino é eterno, não é desse mundo, daqui eu não sou
II
Chegando ao Calvário, pregaram na cruz,  
o meu Salvador
Com a coroa de espinhos, sua fronte sangrava,
ao Pai suplicou
Transpassado de dor ficou o meu Salvador
Às três horas da tarde inclinou a cabeça e ali expirou.

Obra Santa/Luiz de Carvalho

Obra Santa do Espírito
Esta causa é do Senhor.
Como um vento impetuoso
Como fogo abrasador
Estamos sobre terra santa
Reverente e muito amor
Esta hora é decisiva
Vigilante e de temor.
Coro
Ninguém detém! É obra santa (bis)
Nem Satã, nem o mundo todo
Pode apagar esse ardor.
Ninguém detém! É obra santa!
Esta causa é do Senhor.
II
Eis o Noivo vem chegando,
Espalhando suave amor;
Já se sente o perfume
Da unção do salvador!
E a Noiva ataviada
De pureza e esplendor,
Aguardando entrar nas bodas
Pra reinar com seu Senhor.

A minha alma /Luiz de Carvalho

A minha alma estava longe do caminho do céu
Eu era pobre, desprezível, pecador
Mas Jesus já transformou minhas trevas em luz
Quando Ele estendeu a Sua mão para mim
Coro
Quando Jesus estendeu a Sua mão
Quando Ele estendeu a Sua mão para mim
Eu era pobre e perdido, sem Deus e sem Jesus
Quando Ele estendeu a Sua mão para mim
II
Agora me regozijo desde que o aceitei
E na tempestade eu posso sossegar
Pois com Ele estou liberto do perigo e do mal
Desde que estendeu a Sua mão para mim

Segura na Mão de Deus/Luiz de Carvalho

Se as águas do mar da vida, quiserem te afogar
Segura na mão de Deus e vai ...
Se as tristezas desta vida, quiserem te sufocar                                                                   Segura na mão de Deus e vai ...
Coro
Segura na mão de Deus ...
Segura na mão de Deus ...
Pois ela te sustentará                                                                                               Levanta segue adiante e não olhes para trás
Segura na mão de Deus e vai ...
II
Se a jornada é pesada e te cansa a caminhada
Segura na mão de Deus e vai ...                                                                                Orando, jejuando, confiando e confessando
Segura na mão de Deus e vai ...
III
O Espírito do Senhor sempre te dirigirá
Segura na mão de Deus e vai ...
Jesus Cristo prometeu que jamais te deixará
Segura na mão de Deus e vai ...

Além das Montanhas/Luiz de Carvalho

No espaço cai a chuva lentamente
No céu, um arco-íris multicor
Em oração subi ao infinito
Ao ver as maravilhas do Senhor
Coro
Além das montanhas vejo o céu dourado
Onde o sol despede o viajor                                                                                        Deus mandou a chuva, muito obrigado
Meu eterno Deus, meu Criador
II
Levanto o meu olhar Pai me chama
Inclino-me a ouvir a voz de amor
E sigo a caminhar pois Deus me ama
E a chuva vai cair em meu favor
III
Além das montanhas vejo o céu dourado
Onde o sol despede o viajor
Deus mandou a chuva, muito obrigado
Meu eterno Deus, meu Criador

Mãos Ensanguentadas/Luiz de Carvalho

Mãos ensanguentadas de Jesus
Mãos que foram feridas lá na cruz
Coro
Vem tocar em mim (8x)
II
Os meus inimigos se levantam contra mim
Sorrindo eles aguardam que tenha um amargo fim
Minh'alma então implora de está juntinho a ti
Por isso eu te peço, vem tocar em mim
III
Tão grande as minhas lutas, chego a chorar enfim
Parece que Jesus está tão longe de mim
Pensando então que eu poderei cair
Eu corro a suplicar, vem tocar em mim

Quem Tem Jesus Tem Tudo/Luiz de Carvalho

Quem tem Jesus tem tudo, quem não tem não tem nada, mas quem tem Jesus Cristo, no céu já tem morada,
Quem tem Jesus na vida, que não se acabará, mas quem não tem Jesus, no céu não entrará.
Coro
Quem ama este mundo lá no céu não tem nada, mas quem tem Jesus Cristo, no céu já tem morada.
II
As riquezas do mundo só trás tribulação, faz ficar
orgulhoso e perde o galardão, no céu há um tesouro,
que Jesus tem pra dar a quem deixar o mundo e a Ele se entregar

Porque Ele Vive/Luiz de Carvalho

Deus enviou seu filho amado,
Para nos salvar e perdoar.
Na cruz morreu, por nossos pecados,
Mais ressurgiu e vivo com o pai está.
Coro
Porque ele vive posso crer no amanhã,
Porque ele vive,
Temor não á, mais eu bem sei,
Eu sei que a minha vida,
Está nas mãos do meu Jesus que vivo está!
II
E quando em fim chegar a hora,
Em que a morte enfrentarei,
Sem medo então.
Terei vitória, verei a glória,
Do meu Jesus que vivo está!

O Rosto de Cristo/Luiz de Carvalho

Sempre que leio a história de cristo
Eu fico a pensar com grande emoção
No privilegio que muitos tiveram
De ver seu rosto, sentir sua mão
Eu também teria a mesma alegria
De te-lo bem perto, bem juntinho a mim
E olhar os seus serenos e meigos
Oh,como eu seria tão feliz assim
Queria saber como era seu rosto
Embora eu sinta que era muito lindo
Inspirava fé e também confiança
E dava a todos um gozo infinito
E ao ver as gravuras nos quadros pintados
Aquilo que dizem ser o meu senhor
Meu ser não aceita o que está na tela
E falsa a inspiração do pintor
Não creio, não creio, num cristo vencido
Cheio de amargura, semblante de dor
Eu creio num cristo de rosto alegre
Eu creio num cristo que é vencedor
E um dia também o verei face a face
E assim eu creio pela minha fé
Oh ,aleluia verei o seu rosto
Verei a Jesus como ele é.
Segura na Mão de Deus
Além das Montanhas
Mãos Ensanguentadas
Quem Tem Jesus Tem Tudo
Porque Ele Vive
O Rosto de Cristo

Cristo Vem Me Buscar/Luiz de Carvalho

Cristo vem me buscar
para o céu me levará
o Cordeiro prometido voltará
Coro
Oh! Glória aleluia
Maranata ‘vem Jesus’
sou liberto pelo
sangue dessa cruz
tenho o consolador
sua glória e esplendor
sou liberto pelo
poder do Senhor
II
Ele manda atento estar
vigiar e sempre orar
para o toque da trombeta escutar
III
Que alegria vou sentir
com os anjos a cantar
pois com cristo para
sempre vou morar

Feliz Será/Luiz de Carvalho

Se em teu viver existe um vazio
E senão podes cantar
Com os que cantam pra Jesus
Não te detenhas Não chores
Meu amigo
Cristo transforma as trevas
Em plena luz
Coro
Feliz  serás, jamais veras
Sua vida em pranto se findar
Feliz será se ao Senhor
Teu Coração entregar
II
Contempla agora as bênçãos de Cristo
Quando em sorriso sua lagrimas
Ele vai Transformar
Pra sempre guiaras os teus caminhos
e  com amor ao céu te levara

A.B.C  Divino/Luiz de Carvalho

Letra A  fala da aliança que Jesus é o mediador                                                         Letra B  fala das boas novas, que   em Belém o anjo anunciou
Letra C é o caminho do calvário, onde Cristo levou sua cruz
Letra D diz Deus amou o mundo, que nos deu o seu filho Jesus.
Letra E  fala da esperança
Letra F  nos fala da fé
Letra  G do nosso galardão,  hoje se formos fiéis.
Letra I diz: ide anunciai, pelo mundo a mensagem da cruz
Letra J é a mais preciosa pois nos fala do nome  Jesus.
Letra L nos fala da luz, aonde iremos um dia habitar
Letra M das lindas moradas que no céu Jesus foi preparar
Letra N da Nova cidade, cidade que não tem mais fim
Letra O quer dizer oxalá
Letra P trouxe paz para mim.
Letra Q fala dos querubins
Letra R da ressurreição
Letra S nos diz somos salvos
Letra T  temos a salvação
Letra U nos fala da unção
Letra V  vem Jesus nos buscar
Letra Z nos manda ser zeloso, pelos nossos dons celestiais.

Louvado Seja Meu Senhor/Luiz de Carvalho

Louvado seja meu Senhor
Louvado seja meu Senhor
Louvado seja meu Senhor
Louvado seja meu Senhor
Pela vida e pelas flores
Pelo sol e pela lua
Pelas estrelas do firmamento
Pela água e pelo fogo.
Por aqueles que agora são felizes
Por aqueles que agora sofrem
Por aqueles que agora nascem
Por aqueles que agora morrem.
Tu que dás sentido à vida
Quero amar-te e louvar-te
Para que a minha vida
Seja sempre uma oração.
Amém, Senhor, Amém, Senhor.

Harpa de David/Luiz de Carvalho

Venha cantar os salmos de David
Venha tocar a harpa de David
Ninguém resiste ao louvor de um fiel
Venha cantar os salmos de David
Venha tocar a harpa de David
Quem louva a Deus
Jamais tristeza sentirá enfim
Felicidade é ter Jesus em nossa vida
Quem tem Jesus vive sempre a cantar
O rei David entoava hinos ao Senhor
E a sua harpa dedilhava em louvor
O rei Saul vivia sempre atormentado
Um mau espírito o deixava perturbado
Mas David louvando a Deus
Sua harpa tocava
Pois só assim o rei Saul se acalmava
Venha cantar, venha tocar                                  
Venha louvar a Deus

Desperta Brasil/Luiz de Carvalho

Está na hora de orar e Jesus vai libertar
Todo aquele que nele crê
Se você o aceitar e em Deus confiar
Muitas bênçãos vai receber
Desperta Brasil
Está na hora do evangelho anunciar
Desperta Brasil
O evangelho de Jesus está no ar
Desperta Brasil
Ouve a voz do Salvador
Ide a todos e diz:
Vinde a mim oh pecador
Desperta Brasil, Brasil
Desperta Brasil
Ouve a voz do Salvador
Ide a todos e diz:
Vinde a mim oh pecador
Desperta Brasil, Brasil

Drogas Matam/Luiz Artur

Jovem.  Eu já fui como você
Já andei pelos mesmos caminhos
Multidões também me aplaudiam
Mas eu não era feliz.                                                                                                                Coro
Drogas matam aceite Jesus. 2 x
Drogas matam
II
Jovem.  O mundo não pode lhe dar
Alegria em seu coração
São momentos que enganam a vida
São jardins sem zelador
III
Jovem. Só existe um caminho
JESUS te ama, ele quer teu coração
Vem contar, vem contar para o mundo
Que drogas matam, vem cantar esta canção.
III
Jovem. Eu tentei levar minha vida
Mas em trevas ninguém pode andar
Quem liberta é somente Jesus
Drogas Matam, ti fazendo infeliz.

Você/Luiz Artur

Você, que esta tão triste, escute Quero lhe falar
Tudo não esta perdido, levante e comece a andar
Deixe o brilho tomar, conta dos seus olhos
Enxugue o rosto,  vem cantar esta canção
Vem irmão .  Não vai pensar que toda vida fui feliz
Também chorei vivi tão grandes pesadelos,
Mas acordei
Estava como você, assim tão triste, assim tão só
Trevas me envolviam, pensei sempre triste serei
Mas me enganei existe luz, me levantei
Nasceu então a esperança de ser feliz,
Cristo  encontrei
E esta escrito "Cristo é o caminho a verdade e a vida"
Levante agora e vem andar por este caminho,
Que encontrei
Mas me enganei existe luz . Me levantei
Nasceu então a esperança de ser feliz,
Cristo encontrei.
E esta escrito
"Cristo é o caminho a verdade e a vida"
Levante agora e vem andar por este caminho
Que encontrei.

Meu Cristo Hoje É Real/Luiz Artur

Meu Cristo hoje é real }x 4
Antigamente eu não sabia que existia
Um Cristo assim que a mim se revelou
Que transformou a mina vida por completo
Me ensinou me deu a paz e me salvou
Meu Cristo hoje é real }x 4
Antigamente eu conhecia a um Cristo
Que nem se quer nunca me ouviu, nem me falou
Todas as vezes que eu dele precisava
Estava morto numa cruz não me ajudava
Meu Cristo hoje é real }x 4
Agora eu vejo quanto eu fui enganado
Por este Cristo que o homem fabricou
Alicercei a minha fé num Cristo falso
De bronze ou pau ou de metal que nunca andou
Olhei no livro que contem toda a verdade
E vi então que JESUS ressuscitou
Ele esta vivo não esta pregado
Por isso um dia Jó então falou:
Eu sei que o meu redentor vive
Meu Cristo hoje é real........

Só O Senhor é Deus/?

Israel saiu do Egito... Foi ordem que Deus lhe deu.
Chegando ao mar Vermelho, Todo Israel temeu.
Monte alto de todos os lados, Moisés lhe respondeu:
Não temas ó Israel, Só o Senhor é Deus.
Coro
Só o Senhor é Deus...  Só o Senhor é Deus.
Cantemos com muita alegria,
Dizendo que só o Senhor é Deus.
II
Moisés ordenou as águas, e o mar, que lhe obedeceu.
Por terra seca passou, Pelo poder de Deus
O exército de faraó; Porém, no mar pereceu.
Miriã cantava dizendo:  Só o Senhor é Deus.
III
No deserto faltou água... Israel entristeceu.
Todos se revoltaram, Contra o servo de Deus.
Moisés fez a oração, Jeová apareceu
Tirando água da rocha, Só o Senhor é Deus.

Santo Galileu/Débora e Léia

La na Galiléia bem longe daqui
Um dia ecoou a voz do Galileu
Foi ele mandado para aquele povo
E o povo rebelde não o recebeu
Este Galileu Tão humilde manso
O profeta Isaias bem assim falou:
Que Ele viria trazer boas novas
Mas a sua pátria não o aceitou
Coro:
Santo Galileu, Divino Jesus
Tua voz ouvi, E te recebi, Hoje tenho luz
II
Este Galileu veio evangelizar
E anunciar o tempo da salvação
Ele veio dar visão para os cegos
E para os cativos a libertação
Que era o Messias não acreditaram
Porque era pobre e trabalhador
Não teve um lar para o seu repouso
Mas da humanidade foi o Redentor

Minha Herança/?

Minha herança esta guardada lá no porvir,
Onde o ladrão não vai roubar,
Nem a ferrugem vai destruir,
Minha grande, Deus que me deu,
[Guarda também oh, meu irmão,
Tua herança lá no céu de luz,
Onde o ladrão não vai roubar,
Nem a ferrugem vai destruir.

Do que vale ganhar o mundo cheio de aflição,
E lançar a sua alma na escuridão,
Guarda também oh, meu irmão,
Tua herança lá no céu de luz,
onde o ladrão não vai roubar,
está segura por Cristo Jesus.] 2x

As Batidas do Martelo/ T.  Silva e Dezuita

As batidas do martelo, cada vez se ouvia mais
Um gemido muito triste, do meu Salvador Jesus
Deitado sobre o madeiro, estava sendo pregado
Como réu e assassino, meu Jesus foi condenado
Uh,uh,uh,uh,uh,uh
Suas mãos vertendo sangue . E seus pés também pregados
O seu rosto tão mimoso, foi cuspido e insultado
A coroa de espinhos, lhe causou tanta aflição
Tudo isto ele sofreu, pra nos dar a salvação
Uh,uh,uh,uh,uh,uh
O seu corpo ensanguentado, foi tirado ali da cruz
Numa sepultura nova, colocaram meu Jesus
Os discípulos ali choravam, a morte do meu Senhor
Mas logo veio a notícia, que Jesus ressuscitou
Uh,uh,uh,uh,uh,uh
Num gesto mui glorioso, meu Jesus foi para o céu
Deixando sua promessa, que mui breve há de voltar
Sempre orando e jejuando, nós devemos sempre estar
Esperando o momento, que Ele vai manifestar
Glória a Deus, amém, amém 2x

Jesus breve virá/?

Coro I
Jesus breve virá, sua noiva levará,
para um lar que nos preparou,
lá no céu reino de amor.
Aqui não vamos ficar,  
Jesus já nos avisou,  
das nuvens nos chamará,                                                                                                     para o lar de eterno fulgor.
Declamado
Mas quando será este dia!
Será que vai demorar?
Estou com pressa Senhor;
Venha logo me buscar!
Coro I
Declamado
No dia do arrebatamento, haverá muitas confusões;
Ninguém irá sentir, Jesus virá como um ladrão!
Coro I
Declamado
Será que vou subir? Será que vou ficar?
O que será de mim? Preciso me preparar!
Cantado
O tempo vai se passando,
o mestre já vem chegando,
Você não se preparou,
para a vinda do Redentor, 
A Cristo você recusou,
a Bíblia você encostou,
o rádio você desligou,
rejeitando a mensagem de amor!
Declamado
Onde está a minha filha? Meu filho sumiu!
Onde está meu pai? Minha mãe desapareceu!
Foi o arrebatamento e eu fiquei,
Eu quero ir senhor, eu também quero ir!
Salva me Senhor, salva me Senhor!
E agora? Eu não quero ficar aqui,
Me salva senhor, me salva senhor! Salva me!!!
Cantado
Agora é tarde demais, a porta já se fechou
Ficarás com Satanás, sentirás terrível dor,
Lamentando você sairá,  para longe do Salvador
Serás lançado no fogo,  para sempre com o tentador.

Vivo por Fé/?
 
Um dia virá novamente o Senhor,
Aos céus Ele me levará.
Ali cessará todo mal e temor,
Oh,  Deus todo dominará!
Coro
Vivo por  fé, em meu Salvador,
Não temerei ser fiel ao meu Senhor.
E toda dor Ele me tirará,
Sim vivo por fé, Ele me guardará!
II
Sem fé é impossível agradar ao Senhor,
Pois hoje os convence da fé,
Os salvos confiam no seu Salvador,
Pois sua palavra é fiel.
III
As lutas que vem para os santos aqui,
Não há de se comparar.
Em Glória Celeste queremos fluir,
Lá no nosso querido lar.

O crente fiel/?

O crente fiel não fica sem luta um momento se quer,
O mar se revolta e o crente está firme no meio da maré.
Está sempre firme, nunca se mal diz com o peso da cruz.
Coro
{Mesmo havendo provas, quero ser provado
e ir morar com Jesus.}  2x
II
Jesus Cristo disse:  No mundo tereis
muita grande aflição,
Por que estais no mundo;  mais eu vos afirmo
que dele não sou,
Se eu fosse do mundo
aceitaria  a mensagem da cruz.
III
Jesus foi pregado e também humilhado,
pelos malfeitores,
Após o jejum Ele foi tentado pelo tentador,
Para nos dar vida, subiu ao calvário,
com a dura cruz.

Vem, vem, viverás/?

Terás vida em olhar, pra Jesus Salvador,
Ele diz vida eterna eu te dou.
Pois então pecador, considera este amor,
Que Jesus lá na cruz, expirou.
Coro
Vem, vem, viverás.
Terás vida em olhar, pra Jesus Salvador,
Ele diz vida em mim acharás.
II
Terás vida em olhar pra Jesus Salvador,
Sangue seu derramado Ele deu.
Aqui’ está nossa falta, não haja temor,
Por olhar vendo a dor vida tem.
III
Terás vida em olhar pra Jesus Salvador,
Ele diz vida eterna eu te dou.
Nunca pereceras, crendo em Cristo Senhor,
Segurança em Jesus gozaras.

Por sobre as pedras/?

Por sobre as pedras, que outros rejeitaram,
A igreja universal se levantou,
E as portas do inferno se fecharam,
Depois que o Cristo vivo triunfou
Coro
Tu és o Cristo Filho do Deus Vivo,
Vieste a tua igreja levantar,
Vencendo o inimigo desativo
E a salvação mandaste proclamar.
II
Sobre este fundamento inabalável,
Triunfa e marcha a igreja de Jesus,
Falando do poder inesgotável,
De sangue revestido La na cruz.
III
A igreja universal tão gloriosa,
Da qual é Deus o sábio construtor,
Firmando na rocha eterna,  Cristo o Salvador.

Fonte  de Água Viva/Valdomiro Silva

Eu tenho uma fonte de água viva jorrando,
No meu coração, No meu coração,

Quem quiser desta água Jesus tem para dar,
A fonte está correndo pra todos saciar,
Quem beber desta água jamais sede terá,
Assim Jesus falou, Eu posso confirmar
como disse meu Jesus assim aconteceu,
Quando eu o aceitei esta fonte em mim nasceu.
Eu tenho uma fonte de água viva jorrando,
No meu coração,
No meu coração,No meu coração.
quando eu bebi da água que Jesus me deu,
Também dentro de mim uma fonte nasceu.

A palavra de Deus é fonte de amor
o sangue de Jesus transforma o pecador,
Se queres desta água
Jesus também te dá e para toda vida sempre dela terás.
Eu tenho uma fonte de água viva jorrando,
No meu coração, No meu coração,No meu coração.

Cântico da Liberdade/Valdomiro Silva

Mas se eu fosse como os passarinhos
Que somente vivem pra cantar
Eu cantaria mil louvores a Deus,
todo dia; o dia inteiro sem parar.
Pois grandes coisas fez meu Deus por mim
morrendo numa cruz pra me salvar
Mas se eu fosse como os passarinhos
mil louvores a Jesus ia cantar.
Coro
Canta,  canta ó passarinho,
exaltando ao seu criador
Mostrai aos homens quanto vale a liberdade ,
Em uma vida sem ter ódio e nem rancor
O seu cantar tem gozo e harmonia
Tem alegria e perfeito amor
Vai cantando ó passarinho,
exaltando ao seu criador.
II
Mas se o homem pudesse cantar,
as maravilhas do seu Criador
ele fazia como fazem os passarinhos
cantava lindas melodias ao Senhor,
Deus fez o homem para lhe adorar,
mas o pecado tirou-lhe a felicidade,
canta , canta ó passarinho
mostrando aos homens o valor da liberdade .

No céu existem flores/Irmãs Falavinha

Na minha mocidade, Jesus me chamou.
Me pôs no seu jardim, numa rosa me transformou.
Coro:
Quantas flores que existem,
Neste teu jardim Senhor.
No céu existem flores,
que não existem aqui
II
Eu perguntei ao anjo. Porque tanto esplendor.
Ele respondeu cantando. São os servos de Senhor.
III
Quantas flores, lindas flores.
Que igual eu nunca vi.
Foi um sonho de repente.
Quando eu adormeci.

Porta da Salvação/Trio Alexandre

Eu vagava neste mundo
Não tinha paz um segundo
Nem sabia o que fazer
Vi então uma porta aberta
E um homem estava perto
Então eu parei pra ver.
O seu rosto igual um santo
Era mesmo o senhor
E o gesto que fazia
E a mim ele dizia:
"Vinde a mim ó pecador!"
Coro
A porta da salvação,  hoje ainda aberta está,
E a porta que Deus abre, homem não pode fechar.
II
Porta aberta continua, e uma voz bem perto soa
Convidando os corações
Deus não cessa de avisar, que a porta vai fechar
E muito sem salvação;
Hoje há oportunidade, amanhã pode ser tarde
Aonde tu vais ficar,
Quem avisa é o senhor, Deus não o pecado
Mas Deus ama o pecador.

Vou andando, caminhando/Rosely

Vou andando, caminhando, sempre alegre a cantar,
Pois o fogo do Espírito, arde em meu coração,
Vou andando, caminhando, sempre alegre a cantar,
Pois Jesus está comigo, Ele é meu grande amigo,
Quando o temporal chegar.
{Vou andando, caminhando} 2x

Vou andando caminhando,
meu barquinho é o melhor,
pois Jesus está comigo,
Ele é meu grande amigo,
quando o temporal chegar.
Vou andando, caminhando} 2x

Oliveira Verdadeira/Trio Alexandre

Era uma Oliveira do ramo quebrado                                                                                  e o zambujeiro ali foi enxertado.                                                                                    Esta Oliveira, é o meu Jesus,                                                                                           fui nele enxertado hoje tenho luz.
Coro
Oliveira Verdadeira Jesus Cristo é,
nele fui enxertado através da fé,
posso eu dar frutos enxertado assim,
Cristo é a Oliveira, não mais vivo eu,
mas Cristo vive em mim.
II
Zambujeiro bravo, não dá frutos bons
assim era eu no meu coração,
mas um belo dia, tudo transformou,
eu fui enxertado no meu Salvador
III
Cristo é a Oliveira, nele sou feliz,
nele estou ligado do Tronco e na raiz,
ligado na Oliveira, de todo coração,
posso eu dar Frutos e dá frutos bons.

A volta do bom redentor/Triunfo

Será que vai ser assim,
a volta do bom redentor.
Será que vai haver festinha?
Será que vai haver louvor?
Será que vai haver no dia,
Imprensa, rádio e a televisão?
Será que vai ser alegria,
Ou será grande a decepção?
II
Será que vão receber, o nosso eterno Salvador?
Será um dia de prazer, ou dia de muito clamor!
Será que ele vai pisar em algum tapete,
Ou beijar o chão?
Será que ele vai cantar,
Quando presenciar a grande multidão?
III
Será que o mundo vai cantar,
Será que o mundo vai sorrir?
Será que o mundo vai chorar,
Será que ele vai fugir,
Com vergonha de se apresentar?
Como será o dia, quando o nosso Rei aparecer?
Será que vai ser feriado,
Estou preocupado, muitos vão dizer.
IV
Será que vai chegar de carro,
Ou dentro de um avião?
Será que vem acompanhado?
Será que preparou sermão?
Será tudo esclarecido,
Quando Jesus Cristo nas nuvens descer,
A muitos que não sabem disso
Só porque não abrem a Bíblia pra ler.
V
O mundo vai escurecer,
a terra vai se transformar,
Muitas coisas vão acontecer,
Os mortos vão ressuscitar!
E todos grandes e pequenos
Ao juízo eterno hão de contemplar,
Parece que estamos vendo
o grande momento se aproximar.
VI
Será que você vai subir? Será que você vai ficar?
A Bíblia tem que se cumprir,
É tempo de se preparar.
Será que você não esta vendo,
A guerra e a fome, no mundo surgir?
(Aquele que estiver pecando se contaminando
Vai  ficar aqui).  3x

Tapera Velha/Junior

Tapera velha toda deteriorada
Pintura suja, parede rachada
Era invadida ao infame invasor, dela não cuidava
Mas teve alguém que se agradou da mesma
Pagou um preço que ela não valia
Mas decidiu fazer sua morada a partir desse dia.
Coro
Entrou na casa e pintou de vermelho
Com sangue puro, sangue do cordeiro
Fez o infame invasor fugir                                                                                                  Sem olhar para traz
Entrou na casa e pôs fogo nela
Pois energia e apagou a vela
Quem vê a casa nunca imagina
Que já foi tapera
II
Tapera velha fui eu lá no mundo
Mergulhado no abismo profundo
Mas fui amado por Jesus senhor
Em que me encontrou
Abri a porta do meu coração
Ele adentrou e fez transformação
Sou templo do espírito de Deus
Já tenho salvação

Mesa Preparada/Junior

[Coro]
Mesa preparada, cabeça ungida,
Cálice transbordando, isso que é vida.
II
Vejo um povo na terra, que vai caminhando,
Á um lugar feliz, bem distante, onde reina o amor.
Eu vejo esse povo chorando, sorrindo e cantando,
Pois vê pelos olhos da fé, que Jesus vai voltando.
III
Eu vejo a Igreja querida se alegrando,
E Cristo com grande poder está operando.
Se tens tua vida vazia, e o teu vaso quebrado,
Te entregas na mão de Jesus, que ele vai te encher

Não se pode Matar um Crente/Junior

Não se pode matar um crente. Quem é salvo não morre, não!
Ele sobe à presença de Deus. Pra receber galardão
Roupas alvas, tão limpas e puras. Ele veste pra vida maior
Perde tudo por amor a Cristo. Pra viver em uma vida melhor.
[Coro]
Não, não se pode matar um crente.
E Jesus realmente falou assim:
Quem perde a vida por mim
Tem sorte porque sua morte
Não é o fim.
II
Meu irmão que estás com medo. De quem pode tua vida tirar
Pensas no inimigo maior. Que pode tua alma ceifar.
Ó não temes, nem cales ao mundo. Vai orando e buscando poder
E verás na hora da morte.Que o Senhor não te deixa morrer.
III
Os romanos se divertiam. Vendo as feras matar os cristãos
Não sabiam que lá nas arenas. Gotas de sangue eram grãos
Que brotavam e se espalharam. E de Deus recebendo poder
Pra provar a alguém deste mundo. Que um crente não pode morrer.

Na Vinda de Jesus Quanta Surpresa/Curió e Canarinho

Na vinda de Jesus quanta surpresa
Tristeza e pavor pra quem ficar
Noticias e manchetes no jornais
O radio e a televisão no ar
II
Um acontecimento nunca visto
Em breve o mundo irá passar
Aquele que zombou e riu de nós
Desesperado põe-se a perguntar:
III
O que aconteceu com minha esposa?
No leito só ficou o seu lugar
Na empresa meu colega que era crente
Sumiu e ninguém sabe onde está
IV
O filho não regressou para casa
O esposo desapareceu do lar
É tamanha a destruição
Desastres pela terra e no ar
V
Meu pai que anunciava o evangelho
De repente não o ouço mais falar
Mamãe que era crente me amava
Nem teve tempo para me abraçar
VI
Os crentes cultuavam na igreja
Ficaram só os bancos no lugar
Das conduções sumiram passageiros
E quem ficou não sabe explicar
VII
Mas vai aparecer quem já foi crente
Só estes é, quem poderão falar
O que vocês acabaram de ouvir
Eu mesmo já usei muito pregar
VIII
Fiquei porque desviei-me do evangelho
Arrependido posso afirmar
[Foi Cristo que arrebatou a igreja
Feliz foi quem estava ao esperar] 2x

Igrejinha Humilde/ M. Lima, Tony E Tito

Pela manhã acordo bem cedinho
Pego a Bíblia e também o violão
No horizonte o sol já se despontado
E os pássaros cantando, fazendo festa no meu serão
É domingo dia de adoração
E pelo caminho cantarolando uma canção

Quando da igreja vou me aproximando
Ouço o barulho de glória Deus que linda unção
Igreja simples, chão batido, casa humilde
Mas ali nunca faltava o amor e a comunhão
Hoje tudo está tão diferente
não é como antigamente, que saudade dos irmãos.
II
[Casinha velha, estrutura de madeira,
cobertura de esteira, feita de barro e capim
Pode ter algo mais bonito neste mundo
Por ti tenho amor profundo, e jamais vou te esquecer
Casinha velha que já foi apedrejada, tu és igreja
amada, onde Cristo me salvou
Casinha velha sem calçada sem varanda
casinha humilde só saudades que restou]. 2x

Fim da carreira/?

Quando terminar minha carreira,
Neste mundo cheio de aflição,
Lá no céu com meu Jesus,
Gozarei a doce luz na cidade de Sião.
Coro
Com o meu Jesus  {repete}
Lá no céu irei morar,
Juntamente com os anjos aleluia,
Com o meu Deus, vou habitar.
II
Meu Jesus daí me da tua graça,
pra que eu possa sempre aqui viver,
Com os olhos no Senhor,
Guia me com teu amor,
meu socorro vem de ti.
III
Muitos ondas já estão surgindo,
Querendo sempre me destruir,
Com os olhos do Senhor,
Pois Ele me encheu de amor,
Meu socorro vem de ti.

Meu amado/?

Pela noite busquei o meu amado,
Procurei mais não o encontrei,
E sai para então procurá-lo,
Pelas ruas e praças andei.
Coro
Sabes tu a quem ama minh’alma,
É Jesus meu amado Senhor,
Receber em teus braços tão calmo,
De quem amo, com eterno amor.
II
Se não tens o amor tão querido,
O perdestes porque vive a pecar,
Venha agora a procura de Cristo,
Ele vive e quer te salvar.
III
Ao amado sempre louvaremos,
Pois com Ele, podemos vencer,
De alegria Jesus cantaremos,
Pela graça que veio nos trazer.

Grandioso para mim/?

Grandioso para mim
é Jesus meu Salvador,
Tua graça não tem fim,
com teu divinal fulgor,
Sua mão me estendeu,
dando me a salvação,
Gozo, paz e alegria
eu desfrutarei um dia,
na celestial Sião.
II
O teu nome é perdão
Eu confesso a ti Senhor.
O teu nome é puro e bom,
Minhas culpas perdoou,
Neste mundo de ilusão,
aqui enquanto eu estiver,
Minha boca entoará,
aleluia sem cessar,
Exaltando o teu poder.

Cristo Caminhava Lentamente/?

Cristo caminhava lentamente,
Passo a passo com decisão;
De repente ele falou: "Alguém tocou-me,
Alguém no meio da multidão".
"Mestre a multidão lhe oprime
De todos os lados assim";
Cristo disse: "Alguém tocou-me diferente,
Pois senti, saiu virtude de mim".
Coro
Toca pela fé agora em Jesus
Pois ele pode te conceder a luz
Estende a mão, Jesus lhe tocar
Toca pela fé, agora é só pedir,
Que de Jesus virtude vai sair,
Estende a mão Jesus vai lhe tocar
II
Então a mulher aproximou-se
E disse: "Foi eu Senhor que te tocou";
Cristo ali falou-lhe mui suavemente:
"Vai em paz, que a tua fé te salvou"
Se queres alegria em tua vida,
Se queres a vitória em teu lar
Sinta a morte transforma-se em vida
Quando a mão de Deus te tocar

Gólgota/Eula paula

Lá no caminho do Gólgota, vejo sofrendo
O meu amado Jesus a caminhar
Pesada cruz em seus ombros ali vai gemendo
Não tendo alguém ao seu lado pra lhe amparar
Coro
Vejo com olhos da fé os seus passos na areia
Vejo o lugar da caveira a lhe esperar
Vejo pregado na cruz com olhar de ternura
Orando e dizendo ao Pai: consumado está
II
Deus, o seu Pai lá do céu, atônito olhando
Vendo com dor o seu filho ao calvário subir
Tinha poder de livrá-lo daquela amargura
Mas era mister nessa hora a escritura cumprir
III
Como um cordeiro de Deus, não abriu sua boca
E ao matadouro subiu sem reclamar
Formosura nenhuma havia em seu rosto
Pisado por nossos pecados sem nunca pecar

A Porta é Jesus/?

Deus olhando do céu, para terra não viu um justo se quer.
Até mesmo os seus seguidores o abandonaram negando a fé.
Seguíamos levados juntos, aos ídolos mudos de condenação. Deus viu nossa necessidade, de boa vontade estendeu suas mãos.
Deus é tão bom, pois abriu a porta pra você passar (2x).
A porta é Jesus, a porta é Jesus.
A mulher que adulterasse na lei de Moisés deveria morrer, levaram diante de Cristo neste mesmo ato, Ele sendo a porta, e ela passou, e ela passou.
Deus é tão bom, pois abriu a porta pra você passar (2x).
A porta é Jesus, é Jesus.
Vivíamos sempre caídos, perdidos por causa das transgressões. Jesus tirou nos da rede, caindo a parede da separação.
Deus é tão bom, pois abriu a porta pra você passar (2x).
A porta é Jesus, a porta é Jesus.

Se Isto Não For Amor/?

Deixou o esplendor de sua glória
Ao vir a este mundo aqui
Estava só e ferido no Gólgota
Para dar sua vida por mim
Coro
Se isto não for amor, o oceano secou
Não há estrelas no céu, as andorinhas não voam mais
Se isto não for amor, o céu não é real
Tudo perde o valor, se isto não for amor
II
Mesmo na morte lembrou-se
Do ladrão que ao seu lado estava
Com amor e ternura falou-lhe
Ao Paraíso, comigo irás

Valor de Uma Alma/Mara Lima

Irmão, você sabe o valor que tem uma alma?
Nem todos  recursos humanos poderiam pagar!
O dinheiro, a prata e o ouro do mundo inteiro
é pouco demais pro valor
de uma alma poder comparar.
Coro
Irmão, o valor de uma alma custou muito caro.
É necessário sentirmos por ela imenso amor.
Zelando, ensinando e orando e às vezes chorando,
devemos buscar todas as almas que Jesus comprou.
II
Irmão, quantas vezes tem alma ao teu lado chorando,
sofrendo, gemendo com o fardo pesado de dor?
Se ela chegar perecer você é o culpado.
Tenhas cuidado porque uma alma, tem muito
valor.
III
Irmão, você lembra do ‘ide’, do mestre amado?
Não foi um pedido mais ordem que ele nos deu.
Como podemos ficar com os braços cruzados,
se ele de braços abertos por todos morreu?

Sabe filho/Mara Lima

Sabe filho, quero falar com você.
Tenho visto, teu lamento, tua dor.
Você diz: Senhor, não vou suportar,  pois a luta
é tão grande, e estou quase a desanimar.
Olha filho, tu já leste minha história;
Que eu deixei, um trono de glória pra morrer por ti.
Lá na rua central de Jerusalém,  cada passo que eu
dava, a marca do meu sangue ficava também
Uma coroa de espinhos me colocaram,
E com cravos pontiagudos naquela cruz me pregaram.
Uma lança afiada me transpassou,
Nessa hora de agonia, até o meu pai me desamparou.
Nessa hora, meus amigos me desprezaram
Até Pedro, por três vezes, me negou.
Lázaro, o amigo que ressuscitei,
Procurei com os meus olhos, mas também não avistei.
Tudo isso, eu passei por te amar, pra que hoje, eu
pudesse te entender.
Teus problemas, todos, posso resolver;
basta somente crer, e a solução já chegou pra você.
Se estás doente, eu sou o teu remédio
Se estás cansado, eu posso te aliviar
Eu venci, você também vencerá
Sou Jesus cristo, o único que pode te ajudar
Eu venci, você também vencerá
Sou Jesus cristo, o verdadeiro filho de Deus

In Memorian/Mara Lima

Sempre vou lembrar da coragem, do amor
Da firmeza e vontade, da fé e devoção
Da igreja do tempo de Paulo, de Pedro e João
Que enfrentaram a fúria de Roma,
mas nunca negaram sua fé de cristãos
É um exemplo pra mim, verdadeira lição.
II
Eu queria ver a bravura dos santos em plena arena
Enfrentando os leões, quanto mais à fogueira
queimava, mais se ouvia o louvor dos nossos irmãos.
Sob o sangue, tombavam nas ruas, chegavam ao céu
com a vitória nas mãos,  é um exemplo pra mim,
verdadeira lição.  
III  
Oh, meu Deus, reaviva tua igreja de novo
Faz a chama arder nesse povo como foram
os primeiros cristãos
Oh, meu Deus, reaviva tua igreja de novo
Faz a chama arder nesse povo, começando em meu coração.
Começando em meu coração

Desapareceu Um Povo/Shirley

Muito em breve vai sair uma notícia
Que um povo desapareceu
Era um povo muito humilde, que aqui muito sofreu
Este povo, era o povo de Deus.
 Coro    
Onde está aquele povo barulhento
Onde está que não se vê nenhum irmão
Alguém com voz de lamento, vai dizer neste momento
Aquele povo, foi-se embora pra Sião.    
 II  
Onde está o dirigente desta Igreja?    
E os obreiros daqui onde estão?
As mensagens que pregavam, muitos tristes se alegram...  
Eles também foram embora pra Sião!
III
Onde está à juventude desta igreja
E as irmãs do Círculo de Oração.  
Que a Deus sempre oravam, e as crianças que
cantavam, elas também foram cantar em Sião.
IV    
Depois deste grande acontecimento  
Muitos crentes desviados vão voltar
Procurando os irmãos, para a reconciliação  
Mas infelizmente, não vão encontrar.

A  Árvore da Cruz/Shirley Carvalhaes

Eu queria saber do próprio lenhador
Que madeira ele usou para fazer a cruz
Embora eu sinta que árvore chorou                                                                                  quando caiu no chão
e o machado que a lavrou,
cegou-se de tanta emoção.
Coro
A cruz (a cruz) Foi a mais pesada
Por fora só viram madeira
Mas por dentro estavam os meus pecados
Por fora só viram madeira
Mas por dentro estavam os meus pecados.
II
Eu queria saber o que o carrasco sentiu.
Quando a Jesus feriu com quarenta açoites
Fazendo tantos ferrões naquele que só fez o bem
Quem sabe o carrasco sentiu
A dor dos açoites também.
III
Eu queria saber por que a Terra tremeu
O sol se recolheu e a noite chegou
Se foi protesto ao crime do autor da criação
Mostraram ter mais sentimentos
Provaram ter mais coração.

Hoje alguém falou seu nome para mim
Que você está sofrendo tanto assim
Coração tá em pedaços
Foi vencido pelos laços dessa vida
Foi arremessado contra o cais
Açoitado pelos vendavais
Chora o peito, grita a alma procurando a paz.     
 Coro
Mas eu sei, Jesus te olha e te vê (Te vê)
E diz: Filho, vou te socorrer
Do pó das cinzas eu vou te levantar
Sou o Teu Deus, é só Meu nome clamar
Sei que os sonhos se perderam no caminho
Estás sozinho e entregue à solidão
Mas Sou o Deus, que tudo pode e tudo vê
Nesse momento vou abençoar você.
 II
O sorriso que havia em seu rosto
Pouco a pouco ele desapareceu
Diz que tudo está perdido
Vai vivendo iludido em fantasias
Foi arremessado contra o cais
Açoitado pelos vendavais
Chora o peito, grita a alma procurando a paz.

Estou Contigo/Shirley Carvalhaes
 
Estou contigo, oh meu filho! Nunca te deixo sozinho!
Sou um Deus que dos filhos. Sempre velo muito bem
E de ti não esqueço também...
Não abandones meu amparo, Eu sou um Deus que te guardo!
Eu te amo, pois provei lá na cruz o meu amor  
E pra sempre serei teu Senhor!
Se entrares na batalha, eu contigo lutarei!
Se pisares nos espinhos, eu contigo pisarei!
Não te deixo, oh meu filho,
Seja onde quer que andar,
E ao teu lado para te guiar.
II
Pelos terrores abatido!  E pela seta ferido!
Eu tão meigo, com carinho lá do mundo te busquei
E te trouxe para Minha lei...
Se entrares na batalha, eu contigo lutarei!
Se pisares nos espinhos, eu contigo pisarei!
Não te deixo, oh meu filho,
Seja onde quer que andar,
E ao teu lado para te guiar...(2x)

De Coração Pra Coração/S.  Carvalhaes

Eu quero cantar milhões e milhões de vezes
Com os meus amigos e irmãos
Assim como os anjos cantam lá na glória
Eu dou louvor a Deus aqui na terra
De todo o meu coração.
Coro
De coração pra coração
Porque o Senhor mudou a minha vida
De coração pra coração
Estou feliz só porque Te encontrei.
II
Milagres acontecem em minha vida
Por isso é que eu não paro de cantar
Assim como os anjos cantam lá na glória
Eu dou louvor a Deus aqui na terra
De todo o meu coração.

Sião Cidade Tão Linda/Zé Gonsalves e Ataídes

Sião, cidade tão linda.
Nela almejamos morar
Pois Cristo nos prometeu
Um dia vir nos buscar,
Para levar-nos para glória
Daquela linda mansão
Pois os remidos com Cristo
A glória do altíssimo Te iluminará.
Coro
Ó Sião, Ó Sião, pátria querida de amor.
És a mais linda, sublime mansão,
Em ti nao há pranto, nem dor;
Ó Sião, Ó Sião, nem sol e nem luz haverá,
Mas, o cordeiro bendito,
A glória do altíssimo te iluminará.
II
Lá em Sião se espera; uma grande multidão.
os que levaram suas vestes,
no sangue da expiação, renunciam suas vidas,
para em Sião morar;
Pois os remidos por Cristo a Glória do Altíssimo te iluminará.

Com Muito Louvor/Cassiane

Deus não rejeita oração, oração é alimento
Nunca vi um justo sem resposta ou ficar no sofrimento
Coro
Basta somente esperar o que Deus irá fazer
Quando Ele estende suas mãos é a hora de vencer.
Então louve, simplesmente louve
Tá chorando, louve, precisando, louve
Tá sofrendo, louve, não importa, louve
Seu louvor invade o céu.
Deus vai na frente abrindo caminho
Quebrando as correntes, tirando os espinhos
Ordena aos anjos pra contigo lutar
Ele abre as portas pra ninguém mais fechar
Ele trabalha pra o que nele confia
Caminha contigo de noite ou de dia
Erga suas mãos, sua bênção chegou
Comece a cantar com muito louvor
Com muito louvor, com muito louvor
Com muito louvor.
II
A gente precisa entender o que Deus está falando
Quando Ele fica em silêncio, é porque está trabalhando.

Tua Infinita Graça/Gerson Cardozo

Conforme a Tua infinita Graça
Ó Pai perdoa a minha transgressão
Faz-me sentir mais uma vez a Graça
E dá-me a Tua paz no coração
Coro
Mais uma vez eu sinto o meu pecado
Que é contra Ti ó Pai, ó Pai de amor
Minh'alma pede a Tua alegria
Renova em mim o Teu amor, ó Meu Senhor
II
Meu coração a Ti eu ofereço
Perdão imploro, Meu Senhor e Rei
Faz-me sentir mais uma vez a Graça
Misericórdia assim alcançarei

Triste Canção/Rosely

Como é triste viver na escuridão
Como é triste andar sem direção
Como é triste ver o mundo todo a gritar
Ver o rosto da multidão que caminha sem paz
Como é triste ver tudo a girar
Como é triste ver a lágrima a rolar
O canto triste do passarinho me faz chorar
O vento a bater nas árvores me faz chorar
Oh como é triste, como é triste o meu viver
Como é triste a solidão, como é triste viver assim.
Sentada a beira do caminho eu estou a chorar
Os amigos já me deixaram.
A sociedade já não me quer
eis que eu choro em busca de alguém
para entender todo o meu pronto e a minha dor.
Declamado
Senhor estás vendo a minha triste canção.
o lamento que sai de dentro da minha alma.
Eu não sinto razão de viver, de sorrir, de cantar.
Mas eu te peço: transforme minha triste canção
em uma canção de paz e de amor.
II
Já não existe a minha triste canção
Pois Jesus a minha vida transformou
Paz e amor envolvem meu coração
Paz e amor envolvem meu coração
O Canto do passarinho me faz sorrir
E o vento a bater nas árvores me faz cantar
Posso feliz, sou feliz com meu Senhor
Sou feliz pois minha vida já transformou.

Lar Desconhecido/Irmãs Falavinha

Eu tenho um Lar desconhecido deste mundo
Que Jesus foi preparar pra mim
Em um país de novo céu e nova terra
Não tem pecado e nem dor, enfim. (2x)
Aqui no mundo eu conheço tantos lares
Mais nem um deles são iguais ao meu.
Quando eu me lembro do meu Lar sinto saudades
porque o meu Lar Jesus já fez lá no céu. (2x)
Jesus subiu para o céu triunfante
e o meu Lar Ele já foi adornar
Agora estou sempre e sempre esperando
o dia alegre que Ele vem me Buscar. (2x)

Avante Mocidade/?

Mocidade cristã, eia, avante!
Vossas forças uni pra lutar!
O inimigo potente se mostra,
Mas com Cristo sois fortes: Marchar!
II
Mocidade cristã, eia, avante!
Contra o mal, contra o erro lutai!
Tendo o santo evangelho por arma,
A verdade da cruz proclamai!
III
Mocidade cristã, vede o abismo,
Onde muitos estão a cair!
Por faltar-lhes a luz do evangelho,
Não procuram a Cristo seguir.
IV
Eia, jovens, ativos obreiros,
Pela causa do bem pelejai!
Ide aos povos levar o evangelho,
Para a glória de Deus trabalhai!

Alerta Povo! /?

Alerta Povo está chegando a nossa hora!
Da vitória que Jesus tem pra nos dar!
Ele vem com poder e Grande Glória!
Descendo ao mundo para nos arrebatar!
(Coro)
E num Abrir, Fechar, de Olhos,
Nós estaremos nas mansões celestiais
E só se ouve Glória à Deus e Aleluia!
Dos Remidos que do Céu tem seu Lugar!
Ali não há mais pranto nem dores,
As nossas lágrimas Jesus vai enxugar,
E bem no meio está a Árvore da Vida!
Que tem seus frutos para nos alimentar!

Juízo Final/Moisés Borghet

O homem pode ser famoso no mundo inteiro,
Mas quando morrer nada pode levar.
A multidão o levará até o cemitério
Mas de lá pra frente o caso é mais sério;
Não terá ninguém para o acompanhar.
Sabia que depois da morte segue-se o juízo;
Não se preparou quando era preciso
Adorar a Deus e abster-se do mal!
Agora não adianta prece nem ave Maria,
Irá aguardar para o último dia
da condenação do juízo final.
II
Que adianta a riqueza e a muita fama,
se aos olhos de Deus está jogado na lama;
Espiritualmente não enxerga a luz.
Que adianta a alta posição do homem,
Se o pecado dia a dia o consome
Fazendo ficar distante de Jesus!
De que adianta ter tudo que o mundo oferece,
Se tudo aqui mesmo um dia perece,
E ainda no inferno pode lançar!
Procure enquanto é tempo aceitar a paz,
Se morrer perdido não terá jamais
Oportunidade para se salvar.
III
Jesus Cristo é o caminho, a verdade e a vida.
Ninguém vai ao pai antes que se decida
Aceitá-lo e sempre obedecer.
A bíblia afirma que há dois caminhos eternos;
Um leva ao Céu e outro ao inferno
Onde o bicho nunca vai morrer.
Será que depois de ouvir esse duro recado,
Continuarás a vida de pecado
E a salvação não vai te interessar.
Desculpe-me, não tenho nada com o teu viver!
Estou cumprindo ordens, este é meu dever:
A pura verdade a todos falar.

Irmãos do Interior/Édison e Telma

Quantos irmãos no interior do meu país
Estão orando para que eu seja feliz
Irmãos amados que nas cidades pequeninas estão
Eu agradeço sinceramente de coração
Coro
Irmãos do interior por suas cartas cheias de paz
Eu agradeço, porque feliz isto me faz
Irmãos do interior, eu agradeço de longe assim,
Pois eu não posso ir, a minha voz irá por mim.
II
Quantas cartinhas recebemos de bem longe
Trazendo sempre uma palavra de amor
Para que Deus nos abençoe no ministério da voz
Irmãos amados que não se esquecem de orar por nós.
III
Eu rogo a Deus que eu possa um dia viajar
E a cada um destes irmãos eu visitar,
Mas se a todos neste mundo eu não puder conhecer
Sei que no céu, um dia havemos de nos ver.

Jardim de Deus/Irmãs Falavinha
Oh lindas flores, cravos e jasmins
que grande gozo tenho eu neste jardim
o belo Éden está no meu coração
graças a Deus que já sai da escravidão
Coro
Meu jardim, jardim de Deus
jardim que Deus foi preparar pra todos nós
lindos ramos, belas flores
jubilai em nosso rei sim todos vós.                                                        I
Mas brevemente estarei lá em Sião
sim no jardim celestial do meu Senhor
por isto fomos sepultados no Jordão
para gozarmos harmonia, paz e amor.
II
Oh esperança gloriosa temos nós
de encontrar o grande Rei que breve vem
e assim como Ele foi há de voltar
para com Ele irmos pra Jerusalém

É Tempo de Pensar/Irmãs Falavinha

Chegou o tempo de pensar
nas coisas que são lá do céu,
Deixando este mundo mau
com todos os pecados seus.
Buscai as coisas lá de cima
que já se aproxima o Reino de Deus.
Coro
Buscai as bênçãos do Senhor, confiai em nosso Salvador
Os sinais estão se declarando que vai se passando
que Jesus falou.
Vem a Cristo, Ele te reveste com os
dons celestes do consolador.
II
Como foi nos dias de Noé,
veio o dilúvio tudo acabou
Também nos dias de Sodoma,
Deus com fogo tudo devorou.
Mas contudo não houve agonia
como nesse dia que vem o Senhor.
III
Se és belo, fala do Senhor, se és rico, pode governar,
Se recebe, testemunho de homem,
O de Deus muito maior será,
Pensa e fala em Jesus agora,
Ele é o Rei da glória, e reis não são iguais.

Eram Três Cruzes/Irmãs Falavinha

Eram três cruzes lá no Calvário
e no cenário de grande dor
o Cristo santo que se escuda
meigo, sereno cheio de amor
Coro
Não mal- queria
não mal- dizia
tudo sofria com grande amor
Não mal- queria
não mal- dizia
tudo sofria com grande amor
II
Na cruz do meio brilha o cordeiro
o verdadeiro filho de Deus
que imolado por meus pecados
sobre o madeiro Ele padeceu
III
Ressuscitou depois de três dias
grande alegria pra todo ser
apareceu aos seus discípulos
dizendo eu voltarei outra vez

Nossa Conversão/Curió e Canarinho

Eu agora quero contar
Como era no mundo perdido
Eu amava demais o pecado
Satanás era meu falso amigo
Toda noite ele me convidava
Para dar-me o que eu queria
Deleitava-me em suas ofertas
E muita coisa errada eu fazia
II
A minh'alma gritava sem paz
Por esta coisa chamada alegria
Era nela e no religioso
Que caminho errado eu seguia
Eu bebia, fumava e jogava
A tristeza de mim não fugia
Estava sempre desesperado
E dava minha vida pela orgia
III
Eu fazia todas essas coisas
Iludido porque eu não sabia
Que existia um Deus poderoso
Que é o caminho a verdade e a vida
Eu até aceitei Jesus Cristo
Meus pecados Ele perdoou
E os vícios que eu tinha
De uma vez Ele me libertou
IV
Ao meu Deus eu quero agradecer
E com Ele quero sempre andar
Suportando todas provações
Até o fim eu terei que chegar
Com Jesus sempre a frente eu irei
O evangelho do reino pregar
Preparando o povo de Deus
Para com meu Cristo um dia encontrar

Advertência/Curió e Canarinho

Tu podes zombar de nós
E da nossa pregação
Tu podes nos criticar
Mas de pregar nós não paramos não
Tu podes escarnecer de nós
Tu podes até debochar
"Fazes o que quiseres
Mas de Deus tu não deves zombar. 2x
II                                              
Tu podes rir de nós,                                                                                                             de nós tu podes zombar
Mas esse teu sorriso e orgulho
Um dia vai se acabar
Acorda enquanto é tempo
Deus te chama com amor
Deixa de ser orgulhoso
E aceite o convite de nosso Senhor.
III
Ele quer te salvar e também te perdoar
Vem a Jesus agora se estás cansado de tanto pecar
Ele é amor, te dá alívio e também a paz
Deixa o pecado e aceita Jesus
E então feliz serás.

Subo Morro/Curió e Canarinho

Levarei a minha cruz cantando
Jesus Cristo vem me ajudar
Ao chegar ao fim desta jornada
para sempre eu vou descansar
Coro
Subo Morro e desço morro
carregando a minha cruz
mas não deixo de marchar
ao encontro de Jesus...
II
Quando eu vou atravessar o mar
as ondas vem me cercar
Quando eu canto eu falo bom Jesus
ele tira as ondas para eu passar
Vou com fome eu com sede eu vou
carregando a minha cruz pesada
para receber a minha coroa
que no céu já está preparada

O Crente e o Trem/Curió e Canarinho

Ao ver sobre os dormentes dos trilhos
onde passam o trem
Sou levedo a meditar na vida que o crente tem
Nossa vida é como um trem
que sobre os trilhos tem que andar
Mesmo vindo á tempestade não podemos desviar.
II
O crente que fala muito criticando o seu irmão
Mas não tem a vida certa e vive em murmuração
É igual a locomotiva que apita sem razão
Fazendo muito barulho mais não chega na estação.
II
A televisão ligada na novela e show também
Faz irmão chegar na igreja só na hora do amém
Esse crente mais parece com um velho e fraco trem
Quando chega na ladeira quer subir e força não tem.
III
O crente que não é firme e que vive a tropeçar
Sem coragem de ir à frente sem vontade de chegar
É um trem com roda solta é preciso concertar
Pois na curva perigosa pode até descarrilar.
IV
O crente que diz que prega e que sabe trabalhar
Mas vai ver não sabe nada, sabe mesmo é conversar
É igual á locomotiva com ferrugem no motor
Que não anda quase nada e só faz soltar vapor.
V
Por aqui vou encerrando as minhas comparações
Meditando nestes versos todos vão me dar razão
Vou seguindo a minha linha pra chegar na estação
Jesus cristo é o maquinista e não perde a direção...


Quem salva é Jesus/Curió e Canarinho

Você pode orar, louvores entoar
mas salvar-se jamais
Cuidado, meu amigo, pra não se arrepender
quando for tarde demais
Jesus Cristo já morreu por seus pecados
E de graça Ele quer te perdoar
Ele é o Caminho, a Verdade e a Vida
E só nEle é que devemos confiar.

Quem salva é Jesus, e ninguém mais
Outro Salvador tu podes procurar
Mas não achará jamais. 3x

Eu Tenho Uma Casa/Tony Silva

A minha casa, humilde aqui,
Não é como as outras, que às vezes eu vi.
Mas não me importa, os anjos ali,
Estão preparando,um palácio pra mim.
Coro
Eu tenho uma casa,naquela cidade,
Resplandecente,com celeste fulgor.
Da minha pátria, eu tenho saudades,
De sempre estar,com Jesus meu Senhor!.
II
Aqui no mundo, as lutas não cessam,
As tentações, me atacam sem fim.
Mas  breve espero,que hei de partir,
Pra onde há delícias,preparadas pra mim.
III
Não me julguem,pobre e desamparado,
Sou peregrino,mas alegre estou.
Não estou triste,nem desanimado,
Participante, de um reino eu sou.

Cidade Santa (Jerusalém)/Jessé

Dormindo no meu leito
Em sonho encantador
Um dia eu vi Jerusalém
E o templo do senhor
Ouvir cantar crianças
E em meio ao cantar
Rompeu a voz dos anjos
E o céu a proclamar
Rompeu a voz dos anjos
Do céu a proclamar:
Jerusalém! Jerusalém!
Cantai, ó santa grei,
Hosana nas alturas
Hosana, ao nosso Rei!

Então o sonho se alterou
Não mais o som feliz
Ouvi-a das Hosanas
Dos coros infantis
Ao as em torno se esfriou
Do sol faltava luz
E num alto e tosco monte vi
O vulto de uma cruz
E num alto e tosco monte vi
O vulto de uma cruz
Jerusalém! Jerusalém!
Cantai, ó santa grei,
Hosana nas alturas
Hosana, ao nosso Rei!

Ainda a cena se mudou
Surgia em resplendor
A divinal cidade
Morada do Senhor
A lua não brilhava luz
Nem sol nascia lá
Mas só surgia a luz de Deus
Mui pura em seu brilhar
E todos que queriam sim
Podiam lá entrar
Na mui feliz Jerusalém
Que nunca passará
Na mui feliz Jerusalém
Que nunca passará
Jerusalém! Jerusalém!
Cantai, ó santa grei,
Hosana nas alturas
Hosana, ao nosso Rei!
 

Sua irmã em Cristo Rosa Dias