Total de visualizações de página

Só Jesus Cristo salva!

sábado, 13 de julho de 2013

Como vencer as pelejas da vida Juízes 6



1Porém os filhos de Israel fizeram o que era mau aos olhos do SENHOR; e o SENHOR os deu nas mãos dos midianitas por sete anos.

2E, prevalecendo a mão dos midianitas sobre Israel, fizeram os filhos de Israel para si, por causa dos midianitas, as covas que estão nos montes, as cavernas e outros esconderijos.

3Porque sucedia que, semeando Israel, os midianitas e os amalequitas, e também os do oriente, contra ele subiam.

4E punham-se contra ele em campo, e destruíam os frutos da terra, até chegarem a Gaza; e não deixavam mantimento em Israel, nem ovelhas, nem bois, nem jumentos.

5Porque subiam com os seus gados e tendas; vinham como gafanhotos, em grande multidão que não se podia contar, nem a eles nem aos seus camelos; e entravam na terra, para a destruir.

6Assim Israel empobreceu muito pela presença dos midianitas; então os filhos de Israel clamaram ao SENHOR.

7E sucedeu que, clamando os filhos de Israel ao SENHOR por causa dos midianitas,

8Enviou o SENHOR um profeta aos filhos de Israel, que lhes disse: Assim diz o SENHOR Deus de Israel: Do Egito eu vos fiz subir, e vos tirei da casa da servidão;
 1. OS INIMIGOS 
* Os quarenta anos de paz e prosperidade sob a liderança de Débora e Baraque, passaram e agora a nova geração já não mais queria Deus e fizeram o que era errado perante o Senhor, agora durante sete anos, Israel é oprimido pelas mãos dos midianitas.  
* Os midianitas eram povos nômades (sem morada fixa), sem renda financeira e eram como os piratas do deserto. eram um povo pequeno, mas quando iam saquear a colheita dos outros, se aliavam a outros povos para ganhar maior numero de pessoas.
* Eram implacáveis, entravam  na terra alheia para saquear e destruir, foram comparados a gafanhotos.
* Eram insuportáveis e violentos, quando atacavam, obrigavam os povos a se esconderem em covas, montes, cavernas e outros esconderijos. Por onde passavam, deixavam um rastro de miséria e destruição. Os israelitas plantavam, mas sabendo que na colheita os midianitas viriam e eles temiam esses inimigos. Israel pôs se a clamar a Deus por um líder e se arrependeram das aberrações que haviam feito perante o Senhor Deus de seus pais.
* Qual é o tamanho do seu problema? Ele é do tipo violento e implacável? Ele é indestrutível? A luta pela qual você está passando, já dura a quanto tempo? Essa luta tem levado embora o que você tem construído de bom? Nessa mensagem você entenderá como vencer as lutas da vida.

 2. O CHAMADO DE GIDEÃO
Por amor aos israelitas Deus manifestou se para atende los, por achou neles o arrependimento. Deus encontrou o homem certo para ir a frente de seu povo, esse homem foi Gideão; 


11Então o anjo do SENHOR veio, e assentou-se debaixo do carvalho que está em Ofra, que pertencia a Joás, abiezrita; e Gideão, seu filho, estava malhando o trigo no lagar, para o salvar dos midianitas.

12Então o anjo do SENHOR lhe apareceu, e lhe disse: O SENHOR é contigo, homem valoroso.

13Mas Gideão lhe respondeu: Ai, Senhor meu, se o SENHOR é conosco, por que tudo isto nos sobreveio? E que é feito de todas as suas maravilhas que nossos pais nos contaram, dizendo: Não nos fez o SENHOR subir do Egito? Porém agora o SENHOR nos desamparou, e nos deu nas mãos dos midianitas.

14Então o SENHOR olhou para ele, e disse: Vai nesta tua força, e livrarás a Israel das mãos dos midianitas; porventura não te enviei eu?

15E ele lhe disse: Ai, Senhor meu, com que livrarei a Israel? Eis que a minha família é a mais pobre em Manassés, e eu o menor na casa de meu pai.

16E o SENHOR lhe disse: Porquanto eu hei de ser contigo, tu ferirás aos midianitas como se fossem um só homem.

 * Não se malha trigo no lagar, isso se faz na eira, a céu aberto, mas o medo de todo israelita estava estampado em seus rostos, por isso Gideão fazia isto no lagar, para não ser encontrado pelos midianitas. * Talvez por causa da luta que você esteja passando, tenha até mesmo se escondido em algum lugar ou de alguma coisa, talvez  você está com muito medo dessa luta que te aflige, ou quem sabe achando que não vai vencer? 
* Deus chamou Gideão de homem valente, e nessa história toda, Gideão pediu alguns sinais ao Senhor para ter certeza de seu chamado e Deus respondeu a todos.
18Rogo-te que daqui não te apartes, até que eu volte e traga o meu presente, e o ponha perante ti. E disse: Eu esperarei até que voltes.

19E entrou Gideão e preparou um cabrito e pães ázimos de um efa de farinha; a carne pós num cesto e o caldo pôs numa panela; e trouxe-lho até debaixo do carvalho, e lho ofereceu.

20Porém o anjo de Deus lhe disse: Toma a carne e os pães ázimos, e põe-nos sobre esta penha e derrama-lhe o caldo. E assim fez.

21E o anjo do SENHOR estendeu a ponta do cajado, que estava na sua mão, e tocou a carne e os pães ázimos; então subiu o fogo da penha, e consumiu a carne e os pães ázimos; e o anjo do SENHOR desapareceu de seus olhos. *
36E disse Gideão a Deus: Se hás de livrar a Israel por minha mão, como disseste,

37Eis que eu porei um velo de lã na eira; se o orvalho estiver somente no velo, e toda a terra ficar seca, então conhecerei que hás de livrar a Israel por minha mão, como disseste.

38E assim sucedeu; porque no outro dia se levantou de madrugada, e apertou o velo; e do orvalho que espremeu do velo, encheu uma taça de água.

39E disse Gideão a Deus: Não se acenda contra mim a tua ira, se ainda falar só esta vez; rogo-te que só esta vez faça a prova com o velo; rogo-te que só o velo fique seco, e em toda a terra haja o orvalho.

40E Deus assim fez naquela noite; pois só o velo ficou seco, e sobre toda a terra havia orvalho.   3. Tarefas de Deus a Gideão.  Deus pediu a Gideão que derrubasse o poste idolo de Baal e o altar que seu pai Joás levantou. No dia que Gideão fez isso, o povo lhe deu o nome de Jerubaal que quer dizer: Baal contenda com sigo mesmo. 32Por isso naquele dia lhe chamaram Jerubaal, dizendo: Baal contenda contra ele, pois derrubou o seu altar.
* Para vencermos a peleja é necessário tirar todo ídolo que está entre nós e Deus, estes ídolos podem ser, imagens, pessoas, bens e o pecado em si. 4. O derramamento do Espírito de Deus sobre Gideão. O Espírito de Deus veio sobre Gideão e o ungiu, esse homem que escondia para malhar o trigo e era o mas fraco da tribo de Manassés, agora se enche de coragem e convoca quatro tribos para a peleja, e foram elas: Manassés, Aser, Zebulom e Naftali, das quais reuniram trinta e dois mil homens. * Para entrarmos na peleja, temos que estar ungidos pelo Espírito Santo de Deus, pois sem o Espírito Santo não chegaremos a lugar nenhum. 5. Estratégia para a batalha.  * Deus reduziu o exército de israel de trinta de dois mil, para dez mil homens, esses que voltaram para casa, foram  os tímidos e os medrosos,   esses eram os que tremiam como folhas da árvore quando é sacudida, tremiam os joelhos de tanto medo dos midianitas, enfim estes não eram aptos para vencer batalha. *Deus ainda achou que tinha gente demais, e dos dez mil que restaram Ele mandou que Gideão separasse para a peleja só os que bebessem água como os cães, pois os cães não ajoelham na água, eles bebem a água prontos para atacar alguma ameaça que os rodeia. * É necessário perder toda timidez e medo que nos aflige diante das lutas, pessoas medrosas não vencem batalhas, se você se sente assim, peça a Deus coragem e Ele te fortalecerá.  5. As quatro atitudes fundamentais para vencer a peleja.
As atitudes que Deus ordenou a Gideão com os trezentos homens foram. a) tocar de uma só vez as trombetas, b) quebrar os cântaros, c) Fazendo resplandecer as tochas. d) dar o grito da vitória. * A meia noite era troca de guarda dos midianitas e essa seria a melhor hora para tocar essas trombetas, momento estratégico, os trezentos homens e Gideão cercaram os midianitas, com uma mão segura a trombeta e com a outra segura o cantaro com uma tocha acesa dentro para que os midianitas não vissem eles, as trombetas teriam que ser tocadas no mesmo instante, então eles foram divididos em três grupos de cem e quando Gideão deu o sinal de ataque, eles juntamente tocaram as trombetas e já quebraram os cântaros e levantaram as tochas acesas, ao passo que quando os midianitas viram, acharam que vinha contra eles, uma potencia de homens e na troca de guardas, acabaram matando uns aos outros no escuro, pensando ser os israelitas no meio deles, e assim os israelitas sem espada e sem lança venceram os midianitas. * a) Tocando de3 uma só vez as trombetas. O apostolo Paulo diz em I Cor 14.8 que se a trombeta der som incerto, quem se preparará para a batalha?, ele quiz dizer com isto que o som tem que ser o mesmo e na mesma hora, pois só assim o soldado entenderá que é hora do ataque, os novos ouvidos devem estar preparados com o mesmo sentido espiritual, o mesmo pensamento pela obra de Deus, a mesma força, se a igreja é convocada a orar, então todos devem orar, se é para jejuar, todos devem acatar essa ordem, pois fazendo para a casa do Senhor, Ele fará por nós.  b) quebrando os cântaros. Devemos quebrar o nosso orgulho perante o Senhor, ter o nosso coração quebrantado, se não for assim, não venceremos guerra alguma, pois Deus ama um coração quebrantado. c) Fazendo resplandecer as tochas.  Temos que manter acesa a nossa vida espiritual o tempo todo, só assim alcançaremos essa conquista, manter chama acesa é ser cheio do Espírito Santo e um crente cheio vai longe.

d) Dar o grito da vitória. Se nós nos dispusermos a gritar que a vitória é nossa, então ela será nossa, quem fica dizendo que não vai conseguir, que a batalha é muito dificil para ser vencida e se Deus não ajudar..., nunca vencerá. Mas se pormos em nossos corações que vamos vencer, que já ganhamos a vitória, então pronto a vitória é ganha.Assim seja, amém.
Por Rosa Dias  












5 comentários:

  1. Muito Bom!!consegui entender tudo,Deus te abençoe.

    ResponderExcluir
  2. Muito Bom. Boa explicacao. A Palavra de Deus é fiel.

    ResponderExcluir
  3. Muito Bom. Boa explicacao. A Palavra de Deus é fiel.

    ResponderExcluir